Quer trabalhar com marketing digital? Confira dicas sobre como desenvolver uma carreira de sucesso!

Marketing Digital

12 min. de leitura

imagem: "como trabalhar com marketing digital?"
Autor

Por Autor Convidado

Publicado em 8 de dezembro de 2021 | Atualizado em 8 de dezembro de 2021

A demanda para trabalhar com Marketing Digital, seja em um cargo generalista ou como especialista em uma de suas vastas áreas de atuação, tem se tornado crescente.

Os esforços de democratização do acesso à internet e às novas tecnologias, aliado ao impulso da digitalização das empresas em decorrência da pandemia da COVID-19, tem aumentado a demanda por profissionais da área e, consequentemente, de pessoas interessadas em saber como trabalhar com Marketing Digital.

Seja você um jovem padawan escolhendo a sua profissão, ou um profissional experiente em outra área, entusiasta do digital e em processo de transição de carreira, uma coisa é certa: não há atalhos para o sucesso – e manter-se constantemente atualizado pode ser um fator determinante!

Como é trabalhar com Marketing Digital

Engana-se quem acha que trabalhar com Marketing digital é passar horas na internet ou ser um usuário ativo nas redes sociais.

Além das diversas áreas possíveis de atuação, que exigem conhecimentos tão distintos que, em muitos casos, não são todos dominados por um único profissional, algumas habilidades são indispensáveis.

A primeira e, talvez, a mais importante delas, é ser altamente adaptável.

As coisas acontecem rápido no ambiente digital e, consequentemente, mudam rápido também, fazendo com que o mercado esteja em constante evolução. Isso exige do profissional acompanhar um grande volume de informações, adaptando a si mesmo e os projetos que atua com a mesma agilidade.

Esta adaptabilidade é também exigida quando se pensa na própria execução das atividades de rotina.

É provável que, em algum momento da sua carreira, você atue em uma agência ou seja um prestador de serviços (um freelinha agora, um empreendedor do mercado depois, se pá…). Com isso, além do conhecimento técnico em marketing digital, você precisará se aprofundar no nicho de mercado dos seus clientes – e eles podem acabar sendo de segmentos completamente distintos! 🤯 🤯

Trabalhar nessa área também exige um mix de habilidades em humanas e em exatas. Afinal, os seus esforços de trabalho são voltados para a comunicação, mas todas as suas ações são altamente mensuráveis – e as suas decisões devem ser tomadas com base na análise dos dados coletados!

Isso é o que chamamos de data-driven marketing, uma abordagem indispensável para os profissionais que querem se destacar no mercado e ser cada vez mais estratégicos.

banner publicitário sobre geração de relatórios dashgoo by mLabs

Outras habilidades indispensáveis para quem trabalha com marketing digital

Além da alta capacidade de adaptação e do pensamento analítico, o profissional de marketing digital também precisa:

1. Conhecer a fundo o ambiente digital e o comportamento do público-alvo nele

Gerar resultados positivos para suas campanhas leva em consideração o entendimento do ambiente digital, bem como o comportamento das pessoas que a marca que você trabalha deseja se relacionar (ou vender).

O que essas pessoas fazem on-line, onde frequentam, do que gostam, o que consomem, como se comunicam… Tudo isso será indispensável para construir os fundamentos de uma boa campanha: o planejamento de marketing digital.

2. Dominar terminologias, canais, metodologias e conceitos de marketing digital

Não tem como trabalhar com marketing digital sem desenvolver boas habilidades técnicas, mas é provável que você acabe obtendo conhecimento mais aprofundado em algumas das áreas de especialização.

Contudo, para ter sucesso nas campanhas, é preciso ter uma visão mais holística, entendendo como os canais e metodologias se fundem, os temos e os principais conceitos. Afinal, mesmo que você não execute alguma parte específica, usará desse conhecimento mais amplo para direcionar ou mesmo questionar outras ações propostas.

E-mail Marketing, Automação de Marketing, Marketing de Conteúdo, Inbound Marketing, Mídias Sociais, SEO, Mídia Paga, Mídia Programática, dentre outras, são palavras que estarão diariamente na rotina de um profissional da área.

Você também pode conhecer alguns outros termos importantes lendo o nosso Glossário de Marketing Digital.

Mas além do conhecimento sobre seus significados, é preciso compreender como cada um desses canais, metodologias e técnicas funcionam. Ou seja: sentar a bunda na cadeira, grudar o olho na tela e estudar – MUITO!

banner publicitário: minicurso grátis Facebook e Instagram ADS

3. Trabalhar em equipe

Sim, é muita coisa para se fazer e aprender. Por isso, é muito pouco provável que você trabalhe sozinho. Isso te exigirá um senso de trabalho em equipe e um excelente relacionamento interpessoal.

Você também precisará desenvolver algumas das chamadas soft skills ou, digamos, habilidades comportamentais. Comunicação assertiva, poder de negociação, escuta ativa, dentre outras, farão a diferença para quem quer chegar longe.

4. Capacidade criativa

Tem muita técnica envolvida, mas nenhuma grande campanha faz sucesso sem uma boa dose de criatividade. Por isso, este é mais um item que quem deseja trabalhar com Marketing Digital deve priorizar.

Sim, priorizar, pois ao contrário do que muitos pensam, como qualquer outra habilidade, ela é totalmente desenvolvível. Por isso, busque os estímulos, livros e cursos certos para aliar o conhecimento técnico à criatividade.

Formas de trabalhar com Marketing Digital

Quem quer saber como trabalhar com marketing digital também precisa entender que existem formas diferentes de atuação. Essa definição pode moldar bastante o caminho de desenvolvimento do profissional na área.

  • Analistas, coordenadores e gerentes de Marketing Digital em empresas: terão um trabalho mais generalista, geralmente acompanhados de prestadores de serviços em agências, por exemplo;
  • Analistas, coordenadores e gerentes de Marketing Digital em agências: atenderão marcas de segmentos distintos, exigindo ainda mais dinamismo e adaptabilidade;
  • Analistas, coordenadores e gerentes de áreas específicas em empresas ou agências: pode ser um analista de mídias sociais, um coordenador de performance ou um gerente de conteúdo. Seu aprendizado e desenvolvimento será mais especializado;
  • Consultor de Marketing Digital: atuará direcionando o desenvolvimento de projetos e, por isso, precisa de um conhecimento mais abrangente em todas as áreas;
  • Freelancer de áreas específicas: pode fazer freela de conteúdo para redes sociais, para blogs, campanhas de mídia paga etc. Nesta modalidade, é possível conciliar serviços prestados na área com um trabalho regular ou tê-lo como fonte de renda principal;
  • Infoprodutor: produz produtos digitais informativos (infoprodutos) para venda, como e-books, cursos on-line, webinars etc;
  • Afiliado: atua divulgando links de venda de produtos digitais sendo comissionado por resultado gerado dentro de uma estratégia de Marketing de Afiliados;
  • Influenciador Digital: utiliza as redes sociais para exercer junto aos seus fiéis e engajados seguidores algum nível de influência;
  • Produto de Conteúdo Digital: costuma ser confundido com o influenciador digital, mas seu trabalho consiste em produzir conteúdo criativo para as marcas podendo, ou não, exercer influência também em sua audiência;
  • Blogueiro: trabalha com uma plataforma de Blog e uma forte estratégia de SEO compartilhando experiências por meio de conteúdo textual;
  • YouTuber: atua similar ao blogueiro, mas tem como foco o conteúdo audiovisual por meio de um canal no YouTube;
  • Professor/Acadêmico de Marketing Digital ou áreas específicas: profissionais experientes do mercado ou com grande bagagem teórica e títulos acadêmicos que se dedicará a desenvolver outros profissionais;
  • Empreendedor: já pensou evoluir tanto o seu conhecimento a ponto de criar a sua própria agência de Marketing Digital? Este é um caminho que vem sendo escolhido por muitos, segundo o Panorama das Agências Digitais 2022. Então… Por que não também o seu, né?

imagem de um banner publicitário com chamada para criar landing pages pela mLabs

Motivos (e vantagens) de trabalhar com Marketing Digital

Você já entendeu que trabalhar com Marketing Digital pode não ser tão fácil como parece. Mas apesar disso ser incontestável, existem vários motivos para apostar nesta área – e alguns deles podem até ser visto como vantagens!

  • É uma área em plena ascensão, com muitas oportunidades de emprego e para prestação de serviços;
  • você pode escolher áreas de atuação ou nichos de mercado específicos para atuar conforme o seu interesse;
  • você tem a possibilidade de trabalhar de casa e fazer o seu próprio horário, dependendo da forma de atuação que escolher;
  • você tem diversas possibilidades de atuação;
  • você não precisa estar em um local físico específico para trabalhar. Afinal, o seu meio de trabalho é totalmente on-line;
  • você tem a possibilidade de ser dono do seu próprio negócio;
  • você pode aliar o trabalho com números à criatividade;
  • sua rotina é dinâmica, os projetos mudam e você não precisa focar exclusivamente em uma atividade.

Quanto ganha quem trabalha com Marketing Digital? Dá Dinheiro?

Não tem jeito: quando se fala em trabalho, o dinheiro está sempre em pauta.

Contudo, poderia ser injusta uma abordagem sobre quanto ganham os profissionais de Marketing Digital, pois não existe uma tabela fixa de valores.

Para responder a essa pergunta, seria necessário:

  • avaliar o nível de conhecimento do profissional;
  • avaliar o tempo de atuação dele no mercado;
  • considerar se ele trabalha em uma área específica ou se é um profissional generalista;
  • considerar qual a sua forma de atuação;
  • avaliar em qual região, estado e até cidade que o profissional está;
  • cnsiderar o perfil de empresa etc.

Por isso, a recomendação é que, caso você queira sondar quanto ganha um profissional no mesmo nível que você está ou almeja chegar, você utilize sites dedicados a compartilhar este tipo de informação conforme colaboração dos próprios profissionais. É o caso do Glassdoor, já ouviu falar?

Nele, você pode pesquisar salários por cargos, região e até empresas específicas.

Agora, se você deseja empreender neste mercado, dá para ganhar dinheiro com Marketing Digital, sim! Mas tudo dependerá da sua disposição e dedicação para fazer o seu negócio prosperar – mesmo que você opte por ser prestador de serviço freelancer.

imagem: banner publicitário para aula grátis

Como começar a trabalhar com Marketing Digital

Agora que você já tem uma boa ideia sobre como trabalhar com Marketing Digital, é hora de entender os passos para começar nesta área e algumas dicas para prosperar!

Invista em conhecimento (cursos de marketing digital)!

Investir em conhecimento é importante em qualquer área que você deseje atuar. No ambiente digital, onde as mudanças acontecem de forma mais rápida, esse direcionamento não pode ser negligenciado!

Informe-se sobre os melhores cursos de marketing digital, que podem ser feitos presenciais ou on-line; confira quais são os livros de metodologias que estão em destaque; use blogs e canais no YouTube para enriquecer seu conhecimento em algum tema de forma gratuita.

Atualize-se por meio de portais da área

Crie uma lista favoritos em seu navegador com os principais portais de notícias sobre Marketing Digital e acompanha com frequência.

Você também pode assinar as principais newsletters fazendo com que este conteúdo chegue mais facilmente até você!

imagem: banner - guia da qualificação de leads

Siga renomados profissionais de marketing digital nas redes sociais

Descubra quem são os grandes nomes da área que você deseja atuar e os acompanhe nas redes sociais utilizando estes canais como fonte de conhecimento.

Para você iniciar esse trabalho, vou te dar uma superdica: @rkiso, o perfil do Rafael Kiso, Fundador e CMO (popularmente conhecido como BIG BOSS do marketing aqui da mLabs), no Instagram. 😜

Faça networking

Frequente eventos da área, participe de grupos no LinkedIn e adicione pessoas interessantes. Construa uma rede robusta tanto para aprendizado quanto para oportunidades!

Construa sua presença on-line

Desenvolver a sua marca pessoal é um passo importante para ganhar visibilidade, principalmente sendo um iniciante no mercado.

Desenvolva um perfil profissional no LinkedIn, investindo em um bom título e em um resumo interessante. Caso tenha experiências anteriores em marketing digital, vale a pena também pedir recomendações na rede.

Monte um blog para compartilhar conhecimento e começar a divulgar sua marca pessoa por meio do conhecimento. Isso é uma excelente estratégia, inclusive, para quem não tem ainda cases de sucesso para compartilhar em um portfólio ou apresentação dos serviços.

Além disso, essa construção ainda ajudará você a ganhar credibilidade. Afinal, é bastante comum buscar pelos candidatos às vagas ou prestadores de serviços na web.

imagem de um banner publicitário com chamada para testar a gestão de redes sociais da mLabs

Monte um portfólio ou apresentação dos seus trabalhos

Reúna seus melhores projetos, mesmo que acadêmicos – caso você ainda não tenha experiência. No Marketing digital é bastante comum mostrar trabalhos realizados e seus resultados para conquistar empregos ou clientes.

Caso você não tenha algo no portfólio, aventure-se em se dispor a fazer algo gratuitamente ou apenas com custos indispensáveis para o projeto em troca de poder contemplá-lo.

Uma outra forma para pegar seus primeiros trabalhos é negociar o recebimento apenas após a entrega ou resultado atingido. Mas se este for o caminho escolhido, a recomendação é que ambos os lados estejam respaldados por um contrato formal, hein?

Busque por mentores

Mentores são profissionais do mercado que estão dispostos a compartilhar suas experiências e direcionar outros ainda iniciantes.

Você pode buscar por conhecidos, pessoas no LinkedIn, professores na faculdade, profissionais na empresa que trabalha ou até mesmo pagar por um serviço de mentoria, se não tiver outra opção.

Ter um mentor te ajudará a entender melhor como evoluir sua carreira trabalhando com Marketing Digital, te trará uma visão mais realista quanto ao mercado e poderá esclarecer dúvidas pontuais que você venha a ter em sua jornada.

Invista em um currículo sucinto, porém robusto

Na hora de ir para o mercado em busca de uma oportunidade em uma empresa ou agência de Marketing Digital, você precisará ter um currículo competitivo para chamar a atenção.

Ele deve trazer, de forma resumida, experiências e habilidades. Mas também é preciso mostrar robustez com resultados e sede por aprendizado (cursos e eventos).

Além disso, para se destacar, vale a pena investir também na criatividade. Afinal, esta é uma skill importante para a área!

Vídeos de apresentação, currículos interativos, infográficos… O céu é o limite! 🚀 🚀

E aí, trabalhar com Marketing Digital vale a pena?

Se você realmente gosta da área e está disposto a desenvolver uma jornada de sucesso, desenvolvendo habilidades e se especializando tecnicamente, trabalhar com Marketing Digital, sem sombra de dúvidas, vale a pena!

E para te dar uma mãozinha com os estudos, te convido a conhecer o Unbound Marketing: a metodologia desenvolvida e aplicada pela mLabs que te ajudará a entender melhor, e na prática, como trabalhar com marketing Digital elaborando uma estratégia de sucesso!

Facebook Comments

 

Testar a mLabs

Quer mais conteúdo como esse?

Inscreva-se na nossa Newsletter!

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.