Por que criar um blog: 7 motivos para utilizá-lo como ferramenta de Marketing Digital

Por que criar um blog: imagem de um notebook onde existem diversos componentes na tela que remete a texto e alguns emojis sobressaindo. Uma mulher está ao lado como se estivesse construindo e organizando esses componentes.

Você sabia que a Resultados Digitais começou com um blog?

No dia 2 de julho de 2010 foi feita a primeira publicação no blog da RD.

O post manifesto teve como título “Os Benefícios do Marketing Digital para Pequenas e Médias Empresas” e foi publicado pelo CEO da RD, Eric Santos.

Embora tenha sido modificado e atualizado algumas vezes desde então, ele segue no ar até hoje.

Nessa época, o RD Station, nosso software de Marketing Digital, ainda nem havia sido lançado – isso só aconteceria 2 anos depois.

Antes de lançar o produto, o blog ajudou a RD a ganhar audiência, a validar hipóteses para o desenvolvimento do produto e a educar o mercado sobre Marketing Digital.

No início, publicávamos um post por semana, mas, com o passar do tempo, a frequência aumentou, acompanhando também o crescimento da empresa e do time.

Fomos para 2 posts por semana e depois para um post por dia útil até chegarmos à periodicidade atual, que varia de 8 a 10 posts por semana.

Ou seja, logo cedo entendemos a importância de um blog e o potencial que esse canal tem para gerar negócios para uma empresa.

Nesse post, trazemos um pouco da nossa experiência e listamos os maiores motivos para ter um blog como ferramenta de Marketing Digital.

7 bons motivos para você criar um blog 

1. Estabelece autoridade para a marca 

Quando você escreve sobre algum assunto, está sempre colocando seu conhecimento à prova. Se você não conhece muito do assunto, possivelmente será criticado nas mídias sociais e até nos comentários do blog. 

No entanto, se o seu blog tem qualidade, faz sucesso e é bastante comentado, você passa a ser uma autoridade no assunto.  

Os potenciais clientes vão passar a ver você como alguém que sabe do que está falando e passam a confiar mais na sua marca. 

2. Ajuda você a ser encontrado no Google

Publicar conteúdo com frequência faz com que sua empresa tenha muito mais páginas indexadas no Google do que um website comum. E isso é muito bom para ganhar autoridade para o seu domínio.

Além disso, aumenta a probabilidade de outros sites colocarem links para o seu site, o que ajuda você a se posicionar melhor no Google e a receber mais visitas organicamente.

3. Blog é interativo

A maioria dos blogs tem espaços para comentários. Incentivar essa conversa é uma forma simples de criar relacionamento com seus clientes.

Esses espaços acabaram ganhando uma fama meio controversa, mas ainda valem a pena, desde que sejam acompanhados e, em alguns casos, moderados pelo responsáveis.

Além disso, você pode tirar deste espaço diversas ideias para novos posts, aprender coisas novas a partir da experiência de outras pessoas e receber opiniões sobre o seu blog, a sua empresa e os seus produtos ou serviços.

4. Também é dinâmico

Um website comum pressupõe conteúdo fixo, parado e sem novidades. Com um blog, temos outra proposta: são atualizações constantes e conteúdo novo.

Isso faz com que as pessoas visitem o blog de forma recorrente, pois sabem que encontrarão posts novos.

5. Facilita o processo de venda

O blog ajuda muito quando o cliente abordado ainda não está no momento ideal da jornada de compra.

Assim, ao ser atraído para o seu site, o cliente pode manter contato contínuo com a sua empresa. Mesmo que não tenha comprado o seu produto ou serviço.

Dessa forma, você estabelece a confiança aos poucos e o cliente já terá a sua marca em mente quando finalmente decidir que é a hora de comprar.

6. Gera resultados consistentes

Diferentemente de uma propaganda de TV, um banner em um site de notícias ou um informativo entregue no semáforo, o blog é um ativo permanente.

Se você deixar de investir na publicidade, não terá mais a presença nesses canais. Se você deixar de escrever no blog, no entanto, os links de indicação e a autoridade das suas páginas para o Google continuam.

Dessa forma, sua empresa continua recebendo tráfego para o site independente do seu investimento em mídia.

É claro que constância é super importante para sempre manter o engajamento e as visitas nesse canal. Mas o blog é de domínio próprio, ou seja, você é o único detentor desse meio.

7. Gera aprendizado constante

Autodesenvolvimento é um ponto pouco valorizado, mas de extrema importância.

Escrever um blog é uma responsabilidade que força você a estar sempre atento ao que acontece no seu segmento..

Além disso, o fato de ter que escrever faz com que você, que já estudou, experimentou bastante e tem diversas opiniões e argumentos na cabeça, organize bem esse conhecimento e consiga absorver o que é mais importante.

BÔNUS: Por que o blog da sua empresa deve ter um editor? 

Um conselho importante que damos para nossos clientes é que todo blog deve ter um editor. 

 No entanto, não é preciso que sua empresa contrate um jornalista ou especialista do assunto para isso e menos ainda que essa pessoa ocupe a função em tempo integral. 

O nosso ponto é que sua empresa precisa de um responsável final pelo blog, já que essa prática costuma fazer muita diferença nos resultados.  

Acreditamos que isso ocorra por alguns motivos: 

Um blog de sucesso é feito de consistência 

A consistência é chave na construção de uma comunidade em torno do blog. Quando falamos em consistência, estamos levando em conta dois aspectos: foco e frequência. 

É difícil ocupar uma posição de referência na cabeça do seu cliente em potencial, se sua empresa estiver falando de assuntos muitos variados e não convergentes.  

A existência clara de um tema do blog e um foco bem definido faz com que todos saibam o que esperar. 

Se o leitor está interessado no tema X e sua empresa só fala sobre o tema X, todos os posts são atrativos para esse leitor.  

Assim, é muito mais fácil que ele continue lendo até sua empresa ocupar na cabeça dele uma posição de referência. Isso fica bem mais difícil quando sua empresa escreve sobre X, Y e Z. 

Além disso, ninguém é respeitado como conhecedor do assunto se escrever um post chave e depois deixar o blog de lado.  

É atuando bem, dia após dia, que sua empresa consegue alcançar essa posição de autoridade. Manter a  frequência é uma forma de deixar sua empresa na cabeça do leitor. 

Ter alguém como responsável final pelo blog é uma forma muito eficaz de garantir que um calendário de publicações seja seguido. E de garantir, também, que as coisas não fujam da linha editorial definida, mesmo que existam vários autores. 

A revisão diminui consideravelmente o número de erros em um texto 

É muito comum vermos empresas distribuindo a “obrigação” de escrever no blog entre seus funcionários. Por sinal, é uma prática bastante recomendada.  

Cada profissional pode cobrir com mais propriedade sua área específica e ninguém fica sobrecarregado tendo que escrever. 

O problema é que nem sempre esse profissional escreve muito bem ou, o que é mais comum ainda, possui uma escrita considerada boa para a web 

E mesmo para os que conseguem escrever bem, erros são  comuns e nem sempre são percebidos pelo autor, que já está muito envolvido no texto. 

O editor pode contornar esse problema fazendo a revisão e as adaptações que julgar necessárias. 

A empresa deve falar uma só língua 

Se sua empresa fala uma coisa em um dia e outra coisa em outro, transmite a ideia de que ainda não domina o assunto ou não tem experiência para sustentar suas opiniões. 

Claro que não é errado voltar atrás em uma afirmação incorreta ou em uma nova percepção sobre um assunto, mas é importante garantir que tudo o que for publicado siga aquilo que a empresa de fato acredita e conhece.  

Mais importante aindaé que aquilo que for publicado esteja alinhado com os valores e crenças que a empresa quer transmitir. 

Garantir que nenhum autor da empresa saia por aí escrevendo besteira é mais uma das atribuições do editor.  

Isso se estende também ao estilo dos posts (formal ou informal, iniciante ou avançado, superficial ou denso, etc). 

banner-rd-station: imagem de uma pessoa olhando para o computador e ao lado a frase "comece hoje a automatizar suas ações de marketing digital"

E você, já tem um blog? 

Nesse post procuramos deixar bem claro os motivos pelos quais você deve criar um blog.  

Se você ainda está dando os primeiros passos na produção de conteúdo, deixe um comentário aqui contando um pouco sobre suas experiência e dificuldades!  

                                                                                                                                                 

Este artigo foi escrito pela equipe de conteúdo da empresa Resultados Digitais

Facebook Comments
Quer mais conteúdo como esse? Inscreva-se na nossa Newsletter!

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.