4 dicas para segmentação no Facebook

segmentação no facebook

O que faz seu público realmente ser engajado com seus anúncios no Facebook? Porque é que alguns impulsionamentos simplesmente não têm os melhores resultados? Se você já se pegou procurando as respostas para essas perguntas, eu é quem tem pergunto: como você faz sua segmentação no Facebook? Você tem olhado para isso com o devido cuidado? :)

A segmentação no Facebook é bastante importante para otimizar as ações e gerar resultados ainda melhores para o negócio. E muitos gestores de marketing ainda encontram dificuldades para desenvolver esse processo de maneira eficiente, o que limita sua atuação nas mídias sociais.

Uma marca pode até contar com as melhores imagens e textos para as suas campanhas de divulgação, mas se os anúncios não forem direcionados para o público certo, na hora certa, tendem a não gerar o resultado esperado. Por isso a segmentação no Facebook é tão importante para as estratégias de comunicação.

E para facilitar o seu trabalho, separamos neste artigo 4 dicas para otimizar as suas campanhas. Quer saber mais? Então acompanhe os tópicos abaixo!

1. Gere mais engajamento

O Facebook oferece opções de segmentação com objetivos específicos, como o reconhecimento de marca, por exemplo. Essa ação busca aumentar o engajamento e, consequentemente, a sua base de seguidores. Dessa forma, quanto mais curtidas ou comentários a sua fanpage tiver, maior será o seu alcance.

São duas as opções: segmentar o anúncio pelas pessoas que curtiram a sua página ou pelos usuários que visitaram a sua fanpage no último mês. Assim o seu anúncio será direcionado para um público que já conhece a sua página e tem mais chances de se engajar com ela.

2. Crie um público limitado

Aumentar o número de curtidas em uma página é sempre uma opção interessante, já que pode aumentar o alcance das suas publicações e gerar reconhecimento para a sua marca, mas nem sempre um grande volume de seguidores significa mais negócios — é preciso ter as curtidas certas.

Procure atingir um público que realmente tenha interesse no que você tem a oferecer. Para isso, é importante focar as ações naquelas pessoas que acessaram a sua página nos últimos 30 dias — pois já demonstram interesse no seu trabalho — e naquele perfil de público retorna com frequência à sua página. Você também pode pensar em ações estratégicas para os públicos das páginas do seus concorrentes, afinal, esse também é o seu target, certo?

3. Use opt-ins e aplicativos

Uma estratégia exige uma base de seguidores sólida, afinal, não é qualquer pessoa que vai preencher um formulário ou fazer o download de um aplicativo relacionado à sua marca. E para que isso aconteça, a pessoa precisa ter um relacionamento já desenvolvido com a sua empresa.

Esse processo se baseia na troca: as pessoas fornecem dados pessoais e você disponibiliza algum conteúdo. Essas informações orientam seus processos de vendas e te dão insights poderosos dos interesses e necessidades da sua persona.

Uma campanha nesse sentido pode ser segmentada por usuários que estão na sua base de fãs, todos os visitantes que passaram na sua página ou pessoas com interesses em assuntos específicos. Entregue conteúdo de valor (como ebooks e whitepapers) para esse público, leve-o para seu blog e converta novas leads!

4. Teste as opções de segmentação no Facebook

A melhor forma de descobrir qual é o modelo de segmentação que funciona melhor para a sua empresa é testando as opções oferecidas pelo Facebook. A plataforma permite direcionar anúncios para os mais diferentes perfis de público, e cada direcionamento pode gerar um resultado diferente para o negócio.

É possível, por exemplo, direcionar suas campanhas por interesses do público, dados demográficos, comportamentos e até mesmo para as pessoas que, de alguma forma, possuem conexões com o seu negócio.

Gostou deste artigo sobre segmentação no Facebook? Então baixe este e-book e saiba como atuar em cada rede social!