O que é pixel do Facebook e como usá-lo para melhorar a conversão dos seus anúncios?

Pixel do Facebook

Para atingir os potenciais clientes na Internet, as marcas utilizam múltiplas estratégias, como o marketing direcionado e as redes sociais.

Em comum, elas têm como foco a necessidade de maximizar as taxas de conversão e, ao mesmo tempo, construir uma audiência contínua nos seus sites.

E, nessas horas, nada melhor do que contar com uma ferramenta antílica eficaz. Justamente por isso você precisa saber o que é o Pixel do Facebook!

Essa ferramenta te ajudará a entender exatamente o que o usuário que clicou em um de seus anúncios da rede social faz em seu site, quais páginas ele visita, quais produtos ele tem interesse e muito mais.

Além de entender como ele interage dentro da sua página, você poderá otimizar conteúdos e até mesmo investir em campanhas mais assertivas, como as de remarketing no Facebook, por exemplo. Assim, melhorando até o seu retorno sobre investimento – o famoso ROI.

Ficou curioso? Confira neste post o que é e como usá-lo para melhorar a conversão dos seus anúncios!

O que é pixel do Facebook?

Lançado em fevereiro de 2017, o pixel do Facebook é uma ferramenta analítica em formato de um código HTML que permite monitorar conversões e criar públicos personalizados para as suas campanhas no Gerenciador de Anúncios do Facebook. 

Na prática, ele é uma ferramenta que te ajuda a mensurar e compreender a eficiência dos seus anúncios no Facebook. Isso porque ele acompanha o comportamento do usuário ao sair da rede social e acessar o seu site.

Logo, é possível saber se o usuário executou a ação que você gostaria, seja ela baixar um e-book, clicar em um botão ou mesmo fazer uma compra.

Lembre-se que para criar qualquer campanha publicitária nessa rede social, você precisará ter uma página no Facebook e escolher dentro do Gerenciador de Anúncios o seu objetivo.

Ele pode estar vinculado à promoção dos seus posts, da sua Fanpage, geração de tráfego para o seu site e até mesmo o aumento de algum tipo de conversão dentro da sua página.

Com o objetivo definido, você saberá se a sua meta está sendo alcançada. E, é aqui que entra o Pixel do Facebook. Para fazer esse rastreamento você precisará ter instalado previamente no seu site.

Quem pode usar o Pixel do Facebook?

Todo usuário do Facebook que tenha site, blog ou página de captura pode utilizar a ferramenta analítica, independente de ser pessoa física ou jurídica.

Para isso, é preciso gerar o código, inseri-lo corretamente no site ou blog e medir resultados dos anúncios do Facebook Ads fora da rede social.

Quais ações o Facebook é capaz de rastrear?

Você pode usar o pixel do Facebook para coletar dados em dois tipos diferentes de eventos: padrão e personalizado. Um “evento” é simplesmente uma ação especificada que um visitante executa no seu site, como fazer uma compra.

Saber o que é Pixel do Facebook e não saber sobre os tipos de eventos não tem sentido. Entenda a diferença entre eles!

Eventos padrão

Os eventos padrão no código do pixel do Facebook são aqueles que permitem acompanhar eventos específicos. Ao todo, existem nove eventos padrão que podem ser rastreados automaticamente, veja a seguir:

  • conteúdo visualizado (acompanhar as visualizações das páginas-chave);
  • pesquisar (acompanhar as buscas no site);
  • adicionar ao carrinho (acompanhar quando são adicionados itens ao carrinho de compras);
  • adicionar à lista de desejos (acompanhar quando são adicionados itens à lista de desejos);
  • iniciar confirmação de compra (acompanhar quando os usuários entram no fluxo de confirmação da compra);
  • adicionar informações de pagamento (acompanhar quando as informações de pagamento são adicionadas ao fluxo de confirmação da compra);
  • fazer compra (acompanhar as compras ou o fluxo de confirmação da compra);
  • cadastro (acompanhar quando alguém manifestar interesse em sua oferta);
  • cadastro concluído (acompanhar quando um formulário de registro é concluído).

Para que funcionem, basta copiar o código do tipo de evento que você quer acompanhar e adicioná-lo ao código-base do pixel na página do seu site.

Eventos personalizados

Já os eventos personalizados são os que não se enquadram nos eventos padrão mencionados acima. Você pode criá-los e usá-los para rastrear algo fora do padrão.

Por fim, as conversões personalizadas são utilizadas se você não conseguir adicionar eventos padrão ao seu site ou se quiser dividir ou personalizar os eventos padrão ou personalizados.

Como criar e instalar um pixel do Facebook?

Agora que você sabe o que pode rastrear e por que deseja fazê-lo, é hora de criar seu pixel e colocá-lo em funcionamento no seu site.

No Gerenciador de Negócios do Facebook, clique no ícone (≡) na esquerda superior e escolha a opção “Configurações do Negócio”.

pixel do facebook

Em seguida, selecionar “Pixels” e”Criar Pixel”. Depois é só inserir o nome do seu pixel, digitar a URL do site e clicar em “Criar”.

pixel do facebook

Agora, é o momento de nomear o seu pixel e inerir a URL do seu site, blog ou página de captura.

pixel do facebook

Ao escolher o nome do pixel, lembre-se de que, com o Gerenciador de Negócios, você recebe apenas um pixel para cada conta de anúncio. O nome deve representar sua empresa, e não uma campanha específica.

Para colocar o pixel para trabalhar no seu site, você precisa instalar um código em suas páginas da web. Existem algumas maneiras de fazer isso, dependendo da plataforma do site que você usa.

Nós, faremos a instalação manual no WordPress ― que é o CMS utilizado pela maioria dos blogs e sites corporativos. 😉

Então, como a nossa plataforma escolhida é o WordPress, nós selecionamos a opção “Adicionar manualmente o código do pixel ao site”

pixel do facebook

Um código HTML será gerado. Copie o código do pixel e os próximos passos serão feitos pelo WordPress.

Como instalar o Pixel do Facebook no WordPress?

Esse é o código que deve ser inserido diretamente na área de Plugins do WordPress. Assim, vá até a seção de Plugins do seu CMS e instale uma das opções listadas abaixo:

pixel do facebook

 

Após ativá-lo, volte para a página inicial e, na barra esquerda, clique em “Opções > Header Footer Settings”. Copie e cole o código fornecido pelo Facebook na caixa “Scripts in Header” e salve a modificação.

pixel do facebook

Pronto, agora você já tem o pixel do Facebook instalado em seu WordPress!

Como conferir se ele está funcionando corretamente?

Há duas maneiras de conferir se o pixel do Facebook está funcionando corretamente em seu site. A primeira opção é instalar o Auxiliar de Pixel do Facebook, que é um plugin do Chrome disponível em sua loja.

Com ele, você vai saber se há o Pixel instalado na sua página e também vai verificar se existe algum tipo de erro. Se estiver tudo certo, você já pode começar a criar os seus anúncios na rede social.

A segunda opção é visitar a página em que o pixel foi colocado. Se ela estiver funcionando corretamente, serão enviadas informações ao Facebook e você vai conseguir ver a atividade na guia “Rastreamento de conversão” do Gerenciador de Anúncios. O status do seu pixel deve estar definido como ativo.

Não se esqueça de que a coluna da atividade mostra todos os eventos de conversão, não importando se eles estão relacionados ao seu anúncio.

Quais são os benefícios de ter o pixel do Facebook no WordPress?

Ainda está se perguntando o que é Pixel do Facebook e porque você deve tê-lo em sua página? Além de te dar informações valiosíssimas sobre como os usuários interagem com seu site, o pixel do Facebook envia informações sobre a navegação de volta para o Facebook.

Dessa forma, oferece uma nova maneira de analisar o impacto dos seus anúncios na rede social e de otimizar as suas conversões. Ele também ajuda a conhecer melhor os seus consumidores e criar públicos para remarketing.

É possível, por exemplo, descobrir quem é o público que tem finalizado as compras. Isso te ajudará a saber, entre outros aspectos, se o seu cliente real se comporta como você imagina e, claro, te ajuda a planejar a entrega de novos anúncios e sua comunicação nas mídias sociais. Outra opção é fazer remarketing com as pessoas que não concluíram a aquisição (quem nunca se deparou com um anúncio do produto que acabou de visualizar em um site dentro do Facebook?).

Você também pode definir “Públicos Personalizados” com os dados dos clientes que possui para facilitar a reconexão com aqueles que já demonstraram interesse pela sua empresa. Existe também a possibilidade de criar “Públicos Semelhantes” e atingir indivíduos parecidos com o seu cliente ideal.

Agora que você já sabe o que é Pixel do Facebook e também como implementá-lo ao WordPress, não perca mais tempo!

Compreendendo como cada anúncio na rede social impacta as receitas do seu negócio, você é capaz de realizar mudanças nos pontos que, de fato, precisam ser alterados. Assim suas redes passarão por processos contínuos de melhoria e você criará muitas campanhas de sucesso!

Está com dúvidas na hora de criar suas campanhas no Facebook? Então, veja também o nosso Guia de Anúncios no Facebook Ads e acompanhe o passo a passo para criar um anúncio do zero!

Facebook Comments
Gestão de redes sociais Entenda por que a mLabs é a ferramenta de gerenciamento de redes sociais escolhida por mais de 120 mil marcas!