Facebook Analytics para iniciantes: aprenda a explorar o recurso para otimizar resultados

Facebook Analytics header: um celular branco está jogado sobre a mesa, em sua tela imagem do acesso ao Facebook. Ao lado esquerdo, uma caneta também está jogada na diagonal.

Você quer tirar o proveito máximo da sua página no Facebook? Então, você precisa saber usar o Facebook Analytics. Essa ferramenta traz dados valiosos para avaliar e melhorar o desempenho das marcas em toda a estratégia de marketing digital. 

Os números e estatísticas do Facebook Analytics permitem conhecer melhor a sua audiência e saber quais ações têm melhor desempenho. Com todos esses dados, você pode extrair insights para melhorar os resultados e alcançar seus objetivos de marketing digital. 

Com todas as informações nas mãos, o trabalho fica mais qualificado. Imagina conseguir alcançar os objetivos de campanha do Facebook de modo mais rápido, barato e eficiente? Com o Facebook Analytics é possível! 

O que é Facebook Analytics? 

Facebook Analytics é a plataforma gratuita de análise de dados do Facebook, ela informa dados sobre a audiência e o desempenho das marcas na internet. 

Embora pertença ao Facebook, as informações da ferramenta vão além da rede social. Pode-se monitorar as ações dos usuários na sua página do Facebook, mas também no seu site, aplicativo e bots do MessengerCom isso, é possível analisar toda a jornada do consumidor online, desde as suas interações nas redes sociais até as conversões nos canais da marca. 

O Facebook Analytics traz dados de perfil, localização e interesses da audiênciaos grupos de consumidores que interagem com a marca e convertem no seu site e quais ações geram mais retorno. Esses dados geram insights para otimizar as estratégias de social media. 

Para você ter uma ideia da potência dessa ferramenta, ela já se coloca como concorrente do Google Analytics. O grande diferencial é que o Facebook Analytics traz toda a base de dados dos milhões de usuários que utilizam a rede social. 

A ferramenta está disponível apenas para páginas de negócios e pode ser acessada pelo navegador ou pelo aplicativo mobile. 

Relatorios_Redes_Sociais: arte com escrito "Relatórios em Redes Sociais pela mLabs. Teste Grátis".

Qual a diferença entre Facebook Analytics, Facebook Page Insights e Facebook Audience Insights? 

O Facebook oferece diferentes ferramentas de análise de dados para as páginasFacebook Analytics, Facebook Page Insights e Facebook Audience InsightsElas costumam ser confundidas, mas cada uma traz informações específicas. 

Facebook Analytics é a plataforma completa de análise de dados, que contempla não só os dados da página no Facebook, mas de toda a jornada do consumidor, inclusive no seu site ou aplicativo — precisando ser instalado um pixel ou um SDK. 

Já o Facebook Page Insights oferece dados de desempenho da página, especificamente. Você pode monitorar os comportamentos dos seus seguidores, saber com quais conteúdos interagem mais e otimizar sua atuação a partir disso. Você pode acessá-lo no menu da sua própria página em Informações. 

E o Facebook Audience Insights traz dados dos usuários do Facebook, inclusive sobre os seguidores da sua página. Você pode analisar perfis de usuários, com base em dados demográficos, páginas curtidas, comportamentos de compra e de uso do Facebook, e segmentar grupos com características em comum, especialmente para os anúncios do Facebook Ads. 

O que é o Pixel do Facebook? 

Pixel do Facebook é um código HTML que deve ser instalado no seu site para integrar os seus dados à rede social. Ele é usado nas ferramentas de análise de dados, mas também no monitoramento das conversões do Facebook Ads. 

Depois de instalar, é possível monitorar todos os passos da jornada dos consumidores, desde as suas interações no Facebook até as ações no site, como visualizações de páginas, cadastros, compras e outros eventos personalizadosTodos esses dados ficam disponíveis no Facebook Analytics. 

Se a sua marca tem um aplicativo, e você também deseja integrar os dados, é possível fazer isso com SDK do Facebook para iOS ou Android. 

Para fazer a instalação do Pixel do Facebook, vá até as Configurações do Negócio do Gerenciador de Negócios. No menu à esquerda, clique em Fontes de dados > Pixels. 

Facebook Analytics: dentre as opções do Facebook Analytics, o Pixel é segunda opção dentro da categoria "Fontes de dados"

O Facebook vai guiar você na geração do código e na instalação no seu site. Você pode instalar de diferentes maneiras: manualmente, por meio de um site parceiro (ex.: WordPress, Shopify etc.) ou por meio de um desenvolvedor. 

Facebook Analytics: as opções do pixel estão descritas nessa opção, você pode escolher o nome do pixel e inserir a URL do seu site para assim gerar o código.
banner publicitário sobre geração de relatórios dashgoo by mLabs

O que são os Eventos do Facebook Analytics? 

Os Eventos são ações que os usuários realizam nos canais da marca, como a página do Facebook, o site ou o aplicativo (chamados de Origens de Eventos). 

Eles registram, por exemplo, quando um usuário visualiza um vídeo completo na página, adiciona um produto no carrinho ou faz uma compra. Existem eventos padrões ou personalizados para cada origem. 

Para visualizar os dados desses eventos no Facebook Analytics, você precisa configurar as origens dos eventos nas Configurações do Negócio. Para isso, acesse Fontes de dados > Grupos de origens de eventos. 

Facebook Analytics: dentre as opções do menu do Facebook Analytics, o "Grupos de origens de eventos" é a quinta opção da subdivisão "Fontes de dados".

Defina qual origem de eventos você deseja registrar e siga os passos da plataforma. Depois disso, o Facebook Analytics vai registrar os eventos dessas fontes e exibir os dados a você. 

Facebook Analytics: tela do novo grupo de origens de eventos que oferece opções de configuração.

Como usar o Facebook Analytics? 

Primeiramente, acesse a plataforma pelo navegador ou baixe o aplicativo para iOS ou Android. 

Para usar o Facebook Analytics, é preciso ter uma página de negócios. Então, quando acessar a plataforma, é só integrar com o perfil que você deseja monitorar. 

Com a configuração do Pixel e dos Eventos, conforme explicados, você pode explorar as diferentes seções da ferramenta para visualizar e analisar os dados.  

Saiba agora quais são elas: 

Visão Geral (Overview) 

Assim que você entra na plataforma, já tem um panorama do desempenho da sua página na Visão Geral. O resumo dos dados traz números e gráficos sobre novos usuários, usuários ativos, mensagens recebidas, principais publicações, entre outros dados de atividades na página, no site ou no aplicativo. 

Painéis (Dashboards) 

O Facebook Analytics permite que você crie painéis personalizados. Ou seja, você pode criar visualizações dos números, métricas e gráficos que mais importam para os seus objetivos de marketing digital e reuni-los em um só lugar. 

A ferramenta oferece diferentes formatos de gráficos para isso (veja na imagem abaixo). Você pode criar um gráfico em barra para visualizar o número de vendas do site por mês, por exemplo, se isso for importante para o seu negócio. 

Facebook Analytics: opções para adicionar um gráfico no seu perfil oferece desde barra até pizza como modelos.

Atividades (Activity) 

Nesta seção, você pode visualizar as atividades dos usuários em interação com os canais da marca. Saiba as informações sobre os usuários ativos, as receitas que eles estão gerando para o negócio e as ações que executam nos seus canais. 

Essas informações aparecem a partir dos registros de eventos na página do Facebook, site ou aplicativo. Elas estão divididas assim: 

  • Usuários ativos: dados de perfil, localização, idade e outras informações do público e suas atividades ao longo do tempo. 
  • Funis: como as pessoas navegam em uma sequência de eventos, quais são as taxas de conversão e onde abandonam o fluxo. 
  • Retençãopercentual de pessoas que começaram a usar o site ou aplicativo e permaneceram ao longo do tempo. 
  • Coortes: tendências de comportamento de grupos de pessoas que realizaram determinada ação em um período de tempo. 
  • Detalhamentos: dados de atividades por dispositivo, plataforma, país, idioma e outros. 
  • Resultados: relação entre os dados de envolvimento e os resultados de conversões no site ou aplicativo (em desenvolvimento). 
  • Jornadas: cruzamento de dados de comportamento do consumidor em diversas fontes de eventos. 
  • Percentis: quais grupos de pessoas estão usando, convertendo ou gastando mais no site ou aplicativo. 
  • Eventos: relação de eventos monitorados na ferramenta e as tendências de ações dos usuários ao longo do tempo. 
  • Sobreposição: cruzamento de informações sobre usuários e ações em gráficos de sobreposição. 
  • Valor vitalício: receita gerada por um grupo de clientes a partir do primeiro evento registrado (Lifetime Value ou valor do tempo de vida do cliente). 

Pessoas (People) 

Nesta seção, o Facebook Analytics apresenta dados completos sobre a sua audiência, como idade, gênero, localização, escolaridade e interesses. Essas informações ajudam a qualificar sua estratégia e conhecer melhor a sua persona. 

Também é possível visualizar dados dos Públicos Personalizados que você já usa no Gerenciador de Anúncios. Eles reúnem pessoas que já conhecem a sua página no Facebook ou já interagiram de alguma forma com a sua marca. Assim, você pode conhecer melhor esse segmento da sua audiência. 

4 dicas para otimizar sua estratégia com o Facebook Analytics 

Então, gostou de conhecer melhor o Facebook Analytics? Percebeu como é uma plataforma completa de análise de dados que pode ajudar muito a monitorar e otimizar suas estratégias de marketing? 

Só que, por mais qualificados que os relatórios sejam, eles não fazem nada sozinhos. Você precisa analisar os dados, entender o que eles revelam e gerar insights para as suas estratégias. Só assim eles se transformam em inteligência e ajudam a alcançar seus objetivos. 

Veja agora algumas dicas para otimizar estratégias com o Facebook Analytics: 

1. Alinhe os dados da audiência com a sua persona

O Facebook Analytics oferece dados completos e valiosos sobre a sua audiência. Então, é possível ter uma visão qualificada sobre o perfil, os comportamentos e os interesses de quem se relaciona com a sua marca. 

Esses dados podem ser utilizados para conhecer melhor a persona das suas estratégias de social media e marketing digital. Dessa maneira, você consegue direcionar a comunicação e criar os conteúdos certos para as pessoas certas. 

2. Otimize o que deu certo e repense o que deu errado 

Os relatórios do Facebook Analytics cruzam dados de interações no Facebook com os resultados no site ou aplicativo. Então, você pode saber quais conteúdos e ações na rede social geraram mais conversões ou receitas, que representam resultados efetivos para a marca. 

Com essa informação em mãosdefina quais formatos e abordagens merecem mais espaço e quais precisam ser otimizados ou até descartados da estratégia. Assim, você foca no que dá mais resultado. 

Além disso, você também pode analisar os funis de conversão no site e identificar quais são os pontos críticos que causam desistência dos usuários. Então, verifique o que pode estar causando problemas na jornada e aprimore a experiência do usuário naquele ponto. 

3. Melhore os públicos e anúncios do Facebook Ads 

Além de melhorar a produção de conteúdo do Facebook, você também pode otimizar os anúncios do Facebook Ads com os dados do Facebook Analytics. 

Os dados da audiência, em Pessoas, ajudam a entender melhor qual é o perfil de público que interage com a sua marca. Esses dados devem entrar nas segmentações de público-alvo da publicidade, para atingir quem tem mais chances de gostar da sua marca. 

Além disso, o conhecimento sobre os usuários também ajuda a desenvolver um copywriting mais eficiente, focado na linguagem e no comportamento do público-alvo. 

4. Otimize sua atuação para os objetivos de marketing 

A otimização das suas estratégias de marketing digital deve focar nos objetivos da marca. Se o objetivo é aumentar o engajamento, por exemplo, as otimizações devem mirar nos conteúdos e abordagens que geram mais interações. Se o objetivo é gerar receita, mire nas ações que geraram mais retorno financeiro. 

O Facebook Analytics ajuda bastante nessa tarefa, porque cruza os dados da página, do site e do aplicativo com os resultados reais que a marca deseja alcançar. Os relatórios de Resultados (em Atividades), especialmente, ajudam a perceber essa relação. 

Como gerar relatórios do Facebook? 

Os relatórios do Facebook Analytics são gerados a partir dos dados da página do Facebook, do site (via Pixel do Facebook) e do aplicativo (via SDK). 

Você pode visualizá-los na própria plataforma, mas o Facebook Analytics também permite exportar dados ou enviar relatórios personalizados por email. Assim, você pode guardar o histórico de informações e cruzar com dados de outras plataformas para fazer uma análise de marketing ainda mais completa. 

O Facebook Page Insights e o Facebook Audience Insights também permitem fazer isso. Mas mLabs pode dar uma ajuda a mais nessa tarefa. 

Criação de relatórios personalizados e customizados pela mLabs 

A plataforma de gestão de redes sociais da mLabs oferece uma funcionalidade de relatórios personalizados para analisar os dados da sua atuação nas redes sociais. 

Os Relatórios da mLabs trazem insights sobre os melhores formatos, dias e horários para postar, informam os dados de alcance e engajamento da página e de cada publicação e mostram quais foram as melhores postagens em determinado período. 

Além disso, é possível personalizar os relatórios com os dados e períodos que você quiser, seja para visualizar ou compartilhar com a equipe ou com um cliente. 

Agora, aproveite para conhecer melhor a ferramenta do Facebook que é focada nos dados das páginas de negócios: o Facebook Page Insights.  

Facebook Comments
Quer mais conteúdo como esse? Inscreva-se na nossa Newsletter!

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.

Posts relacionados