Ação Bloqueada no Instagram: por que sua conta pode ter sido bloqueada?

Ação bloqueada no Instagram: imagem de uma pessoa mexendo no Instagram e o ícone de bloqueio

Atualizado em 08/01/2020.

O Instagram fechou o cerco de vez. A cada dia, novos usuários (perfis pessoais, comerciais e criadores de conteúdo) reportam o recebimento da notificação de ação bloqueada no Instagram, ou têm suas contas penalizadas de alguma forma.

À fim de garantir que a rede social seja usada por pessoas reais com interações legítimas, em maio de 2019 a rede social fez alterações algorítmicas e passou a punir usuários cujas contas já estiveram associadas a ferramentas de automação para ganho de seguidores, envios de mensagens em massa e interações automatizadas.

A medida marcou o fim das ferramentas para ganho de seguidores e, ao mesmo tempo, o início da guerra contra toda atividade não humana na rede social.

De lá para cá, novos bloqueios e tipos de penalizações surgiram e impactaram usuários de muitas formas. Da queda do engajamento e alcance dos posts associados à hashtags e emojis proibidos (o famoso shadowban) à suspensão temporária ou definitiva das contas, cada vez mais usuários têm recebido penalizações.

De acordo com a própria rede social, o bloqueio de contas do Instagram está diretamente ligado à violação das diretrizes da comunidade, termos de uso do Instagram e/ou Políticas da Plataforma.

Ação Bloqueada no Instagram: imagem do print de tela com a mensagem de erro que aparece quando a conta é bloqueada.Mas, ainda que a rede social seja consistente em apontar a violação das regras como causa do bloqueio, ela raramente é capaz de indicar especificamente qual ação desencadeou a penalização.

Em busca de esclarecer as possíveis ações que podem ser interpretadas pelo Instagram como violação das regras da rede social, fizemos uma pesquisa junto a dezenas de perfis penalizados (incluindo perfis que não usam ferramentas externas).

Ação bloqueada no Instagram: o que está por trás disso?

Por mais que não seja possível definir com exatidão todos os motivos que podem levar ao bloqueio, já conseguimos ter uma boa noção dos mais recorrentes que podem prejudicar sua conta. Veja abaixo.

Publicar conteúdo sexual ou inapropriado

Conteúdos com nudez (total ou parcial) e/ou de cunho sexual não são permitidos na rede social.

Apesar de nos parecer uma regra bastante sensata, o fato é que as penalizações são algorítmicas (e sujeitas a falhas) e não contextuais.

Isso explica, por exemplo, casos de lojas de moda praia que foram penalizadas por postar uma foto de uma modelo de maiô bege.

O mesmo vale para uma clínica de estética que posta foto de uma sessão de massagem com nudez parcial, ou mesmo uma loja de roupas que posta a imagem de uma estampa realista com mamilos, por exemplo.

Fotos e vídeos de amamentação, partos naturais e posts de influencers com nudez parcial também estão causando penalizações de diversos tipos ao perfil.

Ação Bloqueada no Instagram: imagem de um post bloqueado de uma influencer
Lembre-se ainda que que as regras da rede social são atualizadas constantemente e o acompanhamento delas é imprescindível para se resguardar de tais bloqueios.

Anos atrás, por exemplo, era proibido qualquer tipo de nudez, inclusive artística sob a alegação de que a rede social possui membros com menos de 18 anos.

Após bastante controvérsia, as exceções foram detalhadas. Hoje, a nudez em fotos de pinturas ou esculturas está teoricamente liberada, ainda que bloqueios algorítmicos sigam acontecendo.

Violar direitos autorais

Infelizmente, muitos perfis não sabem desse fator e têm suas publicações censuradas e ações bloqueadas na plataforma.

Segundo orientações do Instagram, a melhor maneira de garantir que o conteúdo publicado não viole a lei de direitos autorias é publicar somente conteúdo criado por você mesmo.

Isso significa que o uso de frases e citações, músicas, vídeos e imagens de figuras públicas (incluindo em GIFs e memes) ou de autoria externa, podem ser enquadrados como violação das políticas da rede social.

Conteúdos sem menção ao autor ou, até mesmo, uma citação sem aspas, podem ser mal interpretados e banidos da plataforma.

Lembrando que as leis de direitos autorais podem variar de acordo com o país. Para consultar informações detalhadas sobre elas, acesse o site do U.S. Copyright Office ou do World Intellectual Property Organization (WIPO).

Portanto, sempre que publicar um conteúdo, seja ele texto, imagem ou vídeo, certifique-se de estar em acordo com as regras de direitos autorais de todos seus componentes. Caso contrário, você pode receber uma mensagem de bloqueio do conteúdo como esta que selecionamos abaixo.

Ação bloqueada no Instagram: imagem da notificação de bloqueio no Instagram pelo motivo de Direitos Autorais

Usar hashtags banidas ou em excesso

Esse tópico é bastante polêmico pois o uso de determinadas hashtags não está claramente indicado como proibido nas políticas e termos do Instagram.

Mas, acompanhamos dezenas de casos de usuários que tiveram seus posts banidos e/ou com alcance e engajamento reduzido após usarem hahstags como #dadylove, por exemplo.

Acreditamos que, num esforço de banir conteúdos de cunho sexual na rede, o Instagram está bloqueando algoritmamente posts e contas que utilizam hashtags frequentemente associadas à pornografia, pedofilia e outros temas.

Um exemplo disso é a hashtag “#sextou”, que faz referência ao fato de que a sexta-feira chegou. Posts com essa hashtags foram banidos da rede por fazerem alusão à hashtag homônima, em inglês, comumente associada à conteúdos sexuais.

Ação bloqueada no Instagram: imagem da notificação de bloqueio por uso da hashtag sextou
Mais uma vez, notamos falhas algoritmicas no Instagram que acabam penalizando usuários inocentes.

Clique aqui e veja a lista completa de hashtags banidas do Instagram.

Suspeita de uso de ferramentas de automação

O propósito do Instagram é fomentar a interação humana, ou seja, fazer com que as pessoas se relacionem de forma autêntica umas com as outras.

Por isso, a rede social proíbe o uso de ferramentas que promovem ações automatizadas, como seguir outros usuários, curtir e comentar em posts e enviar mensagens diretas automaticamente.

Mas, por se tratar de uma punição algorítmica, existem bugs que levam também ao bloqueio de usuários que praticam as seguintes estratégias:

  • Seguir ou deixar de seguir usuários em grande quantidade

Comentar ou seguir novos usuários em um curto período pode resultar no bloqueio da ação na rede social. O contrário também é válido! Dar unfollow em grande quantidade de perfis não é considerada uma boa prática pelo Instagram.

Mas por quê? O Instagram entende que essas práticas são, na verdade, tentativas para aumentar o número de seguidores de forma maliciosa e, portanto,  podem prejudicar a experiência dos outros usuários na rede.

Segundo informações do blog MonsterPost os limites e as restrições para as ações serem bloqueadas são:

Contas antigas

  • máximo de 60 curtidas por hora;
  • máximo de 60 comentários por hora;
  • máximo de 60 novos seguidores por hora;
  • máximo de 60 mensagens por hora.

Contas novas

  • máximo de 30 curtidas por hora;
  • máximo de 30 comentários por hora;
  • máximo de 30 novos follows/unfollows por hora.

Além disso, segundo a mesma fonte, o Instagram pode penalizar a conta pelo total de ações realizadas no período de um dia. Você não pode executar mais de 1440 ações em sua conta diariamente.

A violação das regras do Instagram leva a um bloqueio temporário. Que poderá impedir o perfil de comentar, curtir, seguir ou mandar mensagens por DM por um período que varia de duas horas à duas semanas.

  • Enviar comentários e DM em excesso (o famoso SPAM)

O envio de mensagens diretas em massa, bem como fazer comentários de conteúdo repetido em muitos posts pode chamar a atenção do Instagram para um possível uso de automação, acarretando o bloqueio na conta.

  • Publicar excessivamente

Sim, a publicação excessiva também pode ser punida pelo Instagram.  Lembra do SPAM que falamos? A mesma lógica se aplica neste tópico.

A publicação excessiva pode ser uma ação automatizada que lota o feed dos usuários, prejudicando a experiência dos mesmos na rede.

Evite fazer a mesma publicação em diferentes contas, e procure manter um intervalo bem definido entre cada publicação para que o Instagram não condene a ação.

Uma observação importante aos usuários da mLabs sobre esse tópico:

A mLabs se categoriza como uma ferramenta de gerenciamento de redes sociais e não pratica nenhum tipo de automação que possa ser interpretada por uma ação não humana na rede social.

Para o agendamento de posts e Stories, a mLabs emula uma ação humana de postagem. Isso explica, por exemplo, porque há um intervalo de tempo entre seus agendamentos de Stories sequencias, por exemplo.

O intuito disso é garantir que não haja uma interpretação falha do Instagram, assegurando que o intervalo de tempo entre um Story e outro seja compatível com o intervalo de um Story postado manualmente.

Aplicamos o mesmo cuidado ao não permitir que você agende um post para o mesmo perfil no mesmo dia e horário, por exemplo. E é por isso também que a mLabs não entrega recursos muito pedidos por nossos usuários como “respostas automáticas no direct”, “comentários e interações automáticos”, entre outros.

Importante ressaltar que apesar de termos notado um aumento no número de contas bloqueadas entre nossos usuários, a maioria expressiva dos clientes da mLabs  (120 mil marcas) segue usando a ferramenta no Instagram sem problema algum.

Estamos certos de que esses bloqueios estão diretamente ligados à violação das regras do Instagram e, obviamente, às falhas da penalização algorítmica.

Receber muitas reclamações de usuários

Denúncias recebidas de outros usuários na rede social fazem com que o Instagram fique de olho em seu perfil.  O excesso de denúncias pode levar ao bloqueio total ou parcial da conta.

Logar na conta a partir de dispositivos diferentes

Caso você faça login em sua conta de diferentes dispositivos ou endereços de IP e não consiga comprovar sua identidade por SMS ou e-mail, o Instagram poderá bloqueá-la por suspeita de hackers ou vírus em seu perfil.

Se você está correndo esse risco, saiba mais sobre as principais medidas para proteger sua conta do Instagram tanto para perfis pessoais quanto para contas business.

Inserir links externos na bio e em anúncios

O uso de ferramentas agregadoras de links na bio ou a inserção de links externos em anúncios podem ser mal interpretados pela rede social.

Nesses casos, não há uma declaração oficial do Instagram sobre o tema, porém já foram confirmados casos em que os links externos, direcionados para WhatsApp, por exemplo, levou o perfil a sofrer uma punição.

Por quanto tempo a conta pode ficar bloqueada?

A verdade é que não há um prazo definido. O Instagram pode desbloquear a ação já no dia seguinte, ou podem levar semanas, depende de cada caso.

Mas se você acredita que foi injustiçado, é importante relatar o ocorrido para a rede social. Vamos ensinar como fazer isso mais à frente.

O que fazer se a conta for bloqueada?

Fui bloqueado e agora? Confira algumas ações que você pode fazer para recuperar sua conta.

Tirar uma folga do Instagram

Por mais que pareça óbvio, essa simples ação pode salvar sua conta. Dessa forma, você provará ao Instagram que não é um robô por tentativas excessivas de login.

Acessar o APP por outra rede ou computador

Muitas vezes o Instagram bloqueia seu endereço de IP e não o da conta diretamente. Portanto, se você tentar logar por outro dispositivo, através de uma rede wi-fi diferente ou por dados móveis, pode ser que recupere a conta.

Associar a conta do Facebook à do Instagram

Associar sua conta do Facebook ao Instagram é uma das maneiras de provar para o Instagram que você não é um bot. Para associar as contas, basta acessar as configurações no APP e clicar na opção para associar com outras redes sociais.

Desinstalar APPs de automação

Chegou a hora de desinstalar todos aqueles APPs que um dia te ajudaram a ter mais seguidores no Instagram.

Apesar de não garantir que o bloqueio seja encerrado – já que o Instagram tem punido mesmo as contas que usaram essas ferramentas apenas no passado – as chances disso acontecer são maiores.

Reportar o erro ao Instagram

Não vê motivos por sua conta ter sido bloqueada? Você pode relatar o problema ao Instagram.  Para isso, acesse o APP, clique nas três linhas no canto superior direito. Vá até as configurações e clique em ajuda.

Ação bloqueada no Instagram: imagem da tela de configurações do InstagramNa sequência, toque em relatar um problema e escolha um motivo e relate o ocorrido.

Ação bloqueada no Instagram: imagem da tela de configurações do Instagram

Deletar as hashtags dos seus posts recentes

Outra tentativa para remover a ação bloqueada no Instagram é deletar hashtags de posts recentes.

Em alguns casos – mesmo que seu propósito não seja esse – muitas hashtags apresentam conteúdos inapropriados aos usuários, portanto, o Instagram as bloqueia.  Portanto, se livrar delas pode ser a solução para desbloquear as ações na sua conta.

Reinstalar o APP limpando os dados da conta

Como último recurso, você pode desinstalar o app, limpar seus dados e reinstalar ele para checar se a ação foi desbloqueada. Como assim limpar os dados?

Para limpar os dados registrados pelo aplicativo em seu celular, você deve entrar nas configurações, acessar a opção de aplicativos, selecionar o Instagram e tocar em apagar ou limpar dados.

Como agir se a conta for desativada?

Além de bloquear algumas ações, o Instagram também pode desativar sua conta temporariamente ou definitivamente e, no segundo caso, não há nada mais para fazer.

Já no primeiro caso, você pode recorrer da decisão. Para isso, basta fazer o login, que serão exibidas instruções do próprio Instagram para ativação da conta novamente.

Como evitar o bloqueio da conta?

Se você chegou até aqui nesse post, já deve ter percebido que não é possível dizer como garantir que sua conta não seja bloqueada. Isso porque, por aplicar as penalizações de forma automática, o algoritmo do Instagram está sujeito à erros e isso explica o fato de muitos perfis “inocentes” já terem sido penalizados.

Mas, as dicas abaixo podem te ajudar a se salvar da penalização.

  • evite dar likes, postar fotos e comentar em vários posts logo após criar sua conta;
  • tenha um perfil completo, com descrição na biofoto de perfilpara comprovar sua autenticidade;
  • evite o uso de agrupadores de links na bio;
  • evite o uso de links externos (WhatsApp) tanto na bio, quanto em anúncios;
  • associe o Instagram a sua conta no Facebook (caso tenha uma);
  • mantenha frequência de postagens para demonstrar que o perfil está ativo;
  • evite postar vários conteúdos de uma vez só;
  • evite fazer comentários iguais;
  • não siga ou deixe de seguir muitos perfis ao mesmo tempo;
  • evite mencionar usuários que não seguem seu perfil;
  • leia atentamente as diretrizes e termos de uso do Instagram.

Seguindo essas dicas, suas chances de ter uma ação bloqueada no Instagram diminuem e o seu gerenciamento de Instagram tem tudo para dar certo. Continue acompanhando o blog da mLabs e esteja sempre atualizado!

Facebook Comments
Gestão de redes sociais Entenda por que a mLabs é a ferramenta de gerenciamento de redes sociais escolhida por mais de 120 mil marcas!