Vídeos para Facebook: 5 dicas para ter sucesso com o formato

Vídeos para Facebook: imagem de uma pessoa mexendo no celular.

Fazer vídeos para Facebook é obrigatório para marcas que querem gerar engajamento nessa rede social.

Já não é novidade que os vídeos são priorizados pelo algoritmo do Facebook, o Edge Rank. Isso significa, na prática, que os vídeos tem um alcance e potencial de engajamento naturalmente maior no Facebook. Estudos mostram isso:

videos-facebook

Isso prova também por que o formato caiu no gosto das páginas de negócios! Independentemente do tipo de conteúdo, os vídeos têm o poder de captar a atenção dos usuários e gerar um envolvimento como nenhum outro formato é capaz!

É de olho nessa capacidade de engajamento que as marcas estão, cada vez mais, apostando nos vídeos para Facebook. Pensando nisso, escolhemos 5 dicas valiosas para você colocar em prática essa tendência das redes sociais!

Por que investir em vídeos para Facebook?

É inevitável não pensar no YouTube quando falamos sobre vídeos na internet. A rede conta com mais de 1,9 bilhão de usuários, e foi com ela que os vídeos ganharam força na web. Mas Mark Zuckerberg, ao ver todo esse movimento, não quis deixar por menos. Há alguns anos, o Facebook vem trazendo e melhorando seus recursos para vídeos, e há quem diga que a rede social quer ganhar o espaço do YouTube.

O primeiro passo foi liberar a publicação nativa desse tipo de conteúdo na rede ― antes, os usuários apenas compartilhavam o link externo, geralmente do YouTube.

Com o passar do tempo, os vídeos passaram a ganhar mais relevância no feed, tanto nos posts orgânicos quanto nos pagos. Com isso, surgiram as transmissões ao vivo que já se tornaram populares na rede.

Em 2018, foi lançado globalmente o Facebook Watch, a plataforma da rede social exclusivamente dedicada ao audiovisual.  Segundo dados do Facebook, no final do mesmo ano do seu lançamento, a ferramenta já tinha 400 milhões de usuários conectados mensalmente.

Videos para facebook: imagem de dois celulares.

E, parece a disputa entre as duas redes sociais não é brincadeira e ainda vai longe!

Vídeos para Facebook: banner ilustrativo com dados Facebook Watch.

Não há como negar a força dessa tendência. É hora de aproveitar o barulho que o Zuckerberg está fazendo na briga pelo mercado audiovisual.

5 dicas para ter sucesso com vídeos para Facebook

Para aproveitar todo esse potencial, existe uma regra que não muda nunca: você precisa publicar conteúdos relevantes para os usuários. Sem isso, é pouco provável que seus vídeos tenham sucesso. Então, veja ver agora as principais dicas para você arrasar criando vídeos na sua página do Facebook:

1. Defina exatamente o que você quer

Não é porque os vídeos estão em alta que você deve criar conteúdos aleatoriamente. Em primeiro lugar devem vir os objetivos da sua marca. Você quer gerar tráfego para o site? Aumentar as conversões do e-commerce? Divulgar um novo produto? Se tornar mais conhecido?

A partir dessas definições, você pode traçar a sua estratégia de redes sociais, da qual os vídeos fazem parte, mas são apenas um dos recursos.

Além disso, esses objetivos vão orientar a produção e a publicação dos vídeos. Se a intenção é aumentar as conversões, por exemplo, você não pode esquecer de incluir uma chamada para ação e um link para a venda, além de focar na persuasão da mensagem.

2. Capriche nos primeiros segundos do vídeo

O Facebook só considera que seu vídeo teve uma visualização quando ele for visto por 3 segundos ou mais. Então, se você quer contabilizar mais visualizações e prender o usuário por mais tempo, é preciso caprichar nesse intervalo de tempo.

A solução para isso é ser criativo! Crie um visual atrativo, que faça a pessoa querer assistir mais. Você também pode instigar a curiosidade com uma mensagem ou um artifício visual. Os vídeos de receitas fazem isso bem: eles inserem uma imagem super apetitosa da comida e, depois, detalham a receita.

3. Otimize os vídeos para visualização sem áudio

Imagine quantas pessoas assistem aos seus vídeos no celular enquanto estão no trabalho ou dentro do ônibus? Nesses ambientes, o ideal – nem sempre cumprido – é não deixar o áudio ligado ou usar fones de ouvido, que nem sempre estão à mão.

Segundo o site Digiday, 85% do Facebook assiste aos vídeos sem som. Então, é preciso considerar esse contexto quando você cria os seus vídeos para Facebook. Eles devem fazer sentido sem som, ou precisam ter legendas. Assim, o usuário pode entender todo o seu conteúdo sem precisar ligar o áudio ou usar fone.

Aplicativos como o AndroVid (Android) e o Vont (iOS) ajudam nessa tarefa de incluir textos e legendas nos vídeos.

4. Crie vídeos para serem visualizados no celular

De acordo com o estudo anual da Cisco, Índice Visual Networking (VNI), os vídeos serão responsáveis por 75% do tráfego móvel total até 2020. Mas não é preciso da estatística ― é só olhar à sua volta! ― para perceber que, cada vez mais, as pessoas usam o celular para consumir conteúdo das redes sociais, inclusive vídeos.

Vídeos para Facebook: gráfico com estudo do Cisco.

Isso significa que os vídeos precisam ter um formato adequado, preferencialmente vertical ou quadrado, em vez de horizontal. Além disso, garanta que as imagens e os textos fiquem compreensíveis em uma tela menor, como a do celular. E, caso você insira um link externo, veja também se a página de destino oferece uma boa experiência móvel, com design responsivo.

Neste link, você pode ver alguns exemplos bem sucedidos de anúncios do Facebook otimizados para o celular.

5. Invista nas transmissões ao vivo

De acordo com o Facebook, um em cada cinco vídeos publicados na rede é de transmissão ao vivo. Além disso, o tempo diário de visualizações no Facebook Live aumentou 4x em um ano. Os dados mostram que as lives estão com tudo!

Então, invista também nesse formato. Você pode transmitir palestras ao vivo, anunciar novos produtos, realizar entrevistas com especialistas, mostrar o seu dia a dia ou cobrir um evento bacana do qual está participando. As ideias são diversas e têm potencial para gerar grande engajamento.

A live do “Jogo da Amizade”, transmitida pela página da Confederação Brasileira de Futebol, mostra isso. Foram 6,2 milhões de visualizações e mais de 70.000 comentários no vídeo.

Além das dicas acima, aqui vai um bônus: fique de olho nas métricas de vídeo para otimizar as suas publicações. Preste atenção em quais temas, linguagens, formatos e abordagens têm mais sucesso para os seus objetivos e otimize os seus conteúdos a partir desses dados.

Na mLabs, é possível monitorar o desempenho das suas publicações em relatórios completos e personalizados para a marca. Conheça a plataforma ― você tem 7 dias gratuitos para testar!

Facebook Comments
Gestão de redes sociais Entenda por que a mLabs é a ferramenta de gerenciamento de redes sociais escolhida por mais de 30 mil marcas brasileiras!

Posts relacionados