Instagram hackeado: como recuperar e prevenir ataques futuros na sua conta

Instagram hackeado: imagem de um homem segurando o celular. Na tela, aparece a página de login do Instagram.

Em um dia aparentemente normal, ao tentar logar no Instagram para acompanhar os comentários de uma publicação, você percebe que foi deslogado da conta e não consegue mais entrar no perfil.  

Essa situação que tem acontecido com muitos usuários é o maior sinal de um Instagram hackeado ☹  

Convenhamos, ficar sem acesso ao Instagram pode ser uma dor de cabeça, principalmente para perfis comerciais, que têm essa rede social como parte de seu trabalho.  

Se isso já aconteceu com você, ou se você tem medo de que aconteça, relaxa! Existem soluções para recuperar e proteger sua conta. 

Instagram hackeado: o que está por trás disso 

Os golpes no Instagram podem acontecer de diversas formas. Em alguns casos, os criminosos costumam se passar por pessoas do suporte da rede social e solicitam os dados de login do usuário.  

Em outras situações, os golpistas geram links ou arquivos com vírus que, quando acessados, infectam o celular e roubam dados não apenas do Instagram, mas de outras redes sociais.  

Este caso é ainda mais perigoso, porque outras informações sigilosas dos dispositivos também podem ser acessadas

Como saber se meu perfil foi hackeado no Instagram  

Existem alguns sinais que indicam que o perfil do Instagram foi hackeado. Dá uma olhada nos principais: 

  • acesso banido: ao tentar entrar na conta, o usuário é deslogado automaticamente; 
  • erros de senha: ao inserir os dados de login, o Instagram informa que a senha está incorreta; 
  • troca do nome e imagem: imagem de perfil e o nome de usuário são trocados sem nenhum comando do usuário; 
  • postagem de fotos: imagens aleatórias são publicadas no feed e nos Stories
  • alterações na biografia do perfil: um link com vírus é anexado; o objetivo dos criminosos é conseguir mais vítimas;
  • redefinição de senha: você recebe um e-mail informando sobre alterações nos dados de login. 

Esse tipo de golpe pode atingir qualquer conta, não apenas aquelas com um alto número de seguidores. Por isso, é preciso tomar certos cuidados — que abordamos mais adiante! 😉 

imagem de um banner publicitario com chamada para acessar uma aula gratuita sobre criação de posts da mLabs

Como recuperar uma conta hackeada no Instagram 

Se percebeu que sua conta foi realmente hackeada, não se desespere! Essa situação pode ser angustiante, mas é possível revertê-la. Para isso, siga o passo a passo de recuperação da conta: 

1. Cheque a caixa de entrada do e-mail vinculado à conta 

O primeiro passo é conferir a caixa de entrada do e-mail que foi cadastrado na conta do Instagram. Você vai encontrar um e-mail enviado pela rede social, informando que alguém redefiniu os dados de login. 

Uma mensagem como “se você não alterou seu e-mail, clique aqui” vai aparecer. Este é o momento de tentar reverter a ação do criminoso. 

O Instagram fará a confirmação da sua identidade por meio de um SMS ou e-mail — por isso, é importante deixar essas informações pessoais sempre atualizadas na sua rede social. 

2. Clique em “esqueceu a senha?”  

Esta é outra forma de tentar recuperar seu Instagram hackeado. Na página de login, toque em “esqueceu a senha?” e, em seguida, preencha o nome de usuário, e-mail ou telefone cadastrado.  

O Instagram vai enviar um link de acesso e é só seguir as instruções que aparecerão na tela.  

3. Solicite suporte ao Instagram 

Se nenhuma das alternativas anteriores funcionar, recorra ao suporte do Instagram. Na aba “precisa de mais ajuda?”, clique em “não consigo acessar este e-mail ou número de telefone”.  

Você será redirecionado a um formulário e precisa descrever o problema com mais detalhes. 

Depois de preencher as informações, o Instagram enviará um e-mail com mais instruções.  

Como proteger o seu perfil no Instagram  

Você não quer passar por todo esse sufoco e perder o acesso à sua conta de uma hora pra outra, né?! Por isso, aqui vão algumas dicas para proteger o seu perfil do Instagram de possíveis ataques. 

Crie senhas fortes  

Nada de usar senhas óbvias, como números em sequência ou a data do seu aniversário. Para proteger o seu Instagram, é preciso criar senhas complexas de, no mínimo, 6 dígitos, contendo letras maiúsculas, números e caracteres especiais. 

Além disso, certifique-se de não usar a mesma senha em todas as redes sociais. Assim, caso um perfil seja hackeado, os outros canais estarão seguros.  

banner com chamada para inscrição no clube social media exponenciais com vagas limitadas

Altere sua senha regularmente  

Mude sua senha com frequência, especialmente se receber um aviso do próprio Instagram de que seus dados podem ter sido comprometidos. 

Ao fazer essa alteração regularmente, o Instagram manterá a sua conta mais protegida. 

Não compartilhe os dados da sua conta  

Pode parecer uma dica óbvia, mas é essencial relembrar que você não deve compartilhar seus dados de login. Essas informações são confidenciais e apenas você ou pessoas e serviços de extrema confiança devem acessá-las. 

Restrinja contas vinculadas  

O Instagram permite que mais de uma conta esteja logada em um mesmo dispositivo. Para impedir que isso aconteça, entre no aplicativo e vá em “segurança” > “aplicativos e sites”.  

Nesta seção, você pode fazer logout de dispositivos estranhos que estão usando sua conta, além de remover qualquer atividade suspeita. 

Como explicado no início do texto, alguns criminosos geram links contaminados para hackear sua conta e seu dispositivo. Por isso, tenha muito cuidado ao clicar em um link usando seu celular.  

Quando receber uma mensagem duvidosa com um link pelo direct, por exemplo, observe a URL e garanta que se trata de um site confiável.   

Limpe o cache com frequência  

A memória cache armazena senhas, imagens e outras informações no seu celular. Ao fazer a limpeza com frequência, você evita que possíveis vírus danifiquem o sistema do seu celular e restringe o acesso a informações privadas, como a senha do seu Instagram. 

Tenha cuidado ao usar o Instagram em computadores públicos  

Se precisar acessar o Instagram em um computador ou celular de terceiros, não marque a opção “mantenha-me conectado” e faça logout assim que terminar de usar.  

Essa prática é fundamental para que o perfil não fique logado automaticamente em dispositivos estranhos e evita que outras pessoas usem sua conta. 

Garanta que o e-mail vinculado à conta seja seguro  

Como você viu, o e-mail cadastrado no Instagram é muito útil caso você precise redefinir sua senha ou recuperar a conta. Então, garanta que esse e-mail seja seguro, e também que ele tenha uma senha forte e confidencial. 

Ative a autenticação de dois fatores  

A autenticação de dois fatores é uma forma de deixar sua conta ainda mais protegida. No Instagram, você pode ativar essa funcionalidade clicando em “configurações” > “segurança” > “autenticação de dois fatores”.  

Assim, quando você fizer login em um novo dispositivo, além da senha, um código de segurança também será solicitado. 

Cancele o acesso de apps suspeitos à sua conta  

Antes de veicular sua conta do Instagram a outro aplicativo, certifique-se de que a ferramenta seja realmente confiável.  

Existem sistemas com credibilidade no mercado, em que seus dados estarão seguros. Mas também existem váaaaarios apps suspeitos que podem usar suas informações para práticas criminosas.  

Por isso, pesquise sobre o serviço antes de permitir a integração com o seu perfil e, caso a empresa seja duvidosa, não hesite em cancelar o acesso à sua conta. 

Como você viu até aqui, o Instagram hackeado é um problema que tem solução. Para evitar que seus dados sejam acessados por criminosos, siga as nossas dicas e proteja a sua conta! 

E por falar em problemas que podem ser enfrentados na gestão do Instagram, veja também o nosso artigo sobre Shadowban — um tipo de punição da rede social que pode impactar o alcance e desempenho das suas postagens!

Facebook Comments
Quer mais conteúdo como esse? Inscreva-se na nossa Newsletter!

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.

Posts relacionados