Relatório de Engajamento mLabs 2021: confira as médias das Taxas de Engajamento do Facebook e do Instagram

Capa com uma arte com escrito: Relatório de engajamento 2021 - facebook e instagram. Na arte contém diversos emojis de likes e o logo da mLabs

Você sabe qual a média da Taxa de Engajamento (TE) real do seu segmento no Facebook e no Instagram? E para a faixa de seguidores que os eu perfil possui?

Estes são alguns dos dados que você conhecerá, com exclusividade e em primeira mão, no Relatório de Engajamento mLabs 2021: uma análise realizada com mais de 720 milhões de publicações dos clientes da melhor ferramenta do Brasil para mídias sociais, segundo a Kmaleon (2020).

Relatório de Engajamento mLabs 2021: entenda a metodologia da análise

Para a realização do relatório, foram coletados dados de perfis comerciais de clientes da mLabs, que possuem até 500 mil seguidores, no Facebook (Feed) e no Instagram (Feed e Stories).

O formato Stories do Facebook não foi contemplado, pois estes dados não são fornecidos pela API oficial da ferramenta.

No documento completo, você terá acesso a dois tipos de análises que consideram o período de janeiro a dezembro de 2020:

  • geral: que apresenta a média da Taxa de Engajamento por canal, fragmentada por trimestre, faixa de seguidores e segmentos;
  • por segmento: que apresenta a média da Taxa de engajamento de cada um dos segmentos contemplados separados por canal, trimestre e faixa de seguidores.

Além disso, o Relatório de Engajamento mLabs 2021 ainda trás os principais insights gerados pela análise e algumas dicas para te ajudar a melhorar a performance da sua marca nesses canais.

Imagem de um banner publicitário com chamada para baixar o relatório de engajamento do instagram e facebook realizado pela mLabs em 2021

Taxa de Engajamento x Taxa de Engajamento Público: diferenças e impactos

Além de apresentar dados divididos por segmentos de mercado e faixas de seguidores em uma análise com marcas majoritariamente nacionais, o relatório da mLabs ainda conta com um outro grande diferencial: o cálculo da Taxa de Engajamento.

Diferentemente das ferramentas e outras pesquisas de mercado, esse comparativo utiliza dados como alcance e impressões para o cálculo da Taxa de Engajamento em vez do número de seguidores de um perfil (Taxa de Engajamento Público).

 A forma como essa Taxa é calculada faz toda a diferença nas análises. Contudo, como o alcance e as impressões são dados visíveis apenas aos donos dos perfis, o uso do número de seguidores como variável torna-se uma alternativa para fins comparativos.

Cálculo da Taxa de Engajamento Feed do Facebook

Cálculo da Taxa de Engajamento Feed do Instagram

Cálculo da Taxa de Engajamento do Instagram Stories

Os cálculos acima mostram a forma ideal para se chegar à real Taxa de Engajamento, e é assim que você deve seguir para compreender a sua performance e compará-la com os dados do Relatório de Engajamento mLabs 2021.

Média anual da Taxa de Engajamento no Facebook e no Instagram

imagem com um gráfico que apresenta o instagram em primeiro lugar, storie em segundo e facebook em terceiro

Durante o período de análise (2020), todos os canais apresentaram oscilações na Taxa de Engajamento.

O Facebook (feed) apresentou uma queda de 7,69% na TE quando comparado o último trimestre de 2020 ao primeiro.

Com isso, a Taxa de Engajamento do canal (2,12%) no período analisado acabou sendo cerca de quatro vezes menor que a do Instagram, que, no feed, teve uma média de 9,30% e, nos Stories, 6,83%.

No comparativo entre o último e o primeiro trimestre do ano o Instagram também apresentou crescimento: 7,29% e 11,62% respectivamente.

imagem de um gráfico de linha comparativo de engajamento entre facebook, instagram e stories

Média anual da Taxa de Engajamento no Instagram e no Facebook por faixas de seguidores

No feed do Facebook, quando analisadas as faixas de seguidores isoladas, o destaque na Taxa de Engajamento vai para os perfis que possuem até dez mil seguidores (2,59%).

Porém, quando comparado o desempenho do último trimestre em relação ao primeiro, o destaque vai para as contas que têm entre 100 mil e 500 mil seguidores, que apresentaram um crescimento de 1,98%.

No Feed do Instagram, a análise por faixas de seguidores também tem como destaque na TE os perfis que possuem até dez mil seguidores (10,79%).

Assim como o Facebook, quando comparado o desempenho do último trimestre em relação ao primeiro, o destaque também vai para as contas que têm entre 100 mil e 500 mil seguidores (14,27%).

Já no Instagram Stories, o destaque na Taxa de Engajamento vai para os perfis que possuem entre 100 mil e 500 mil seguidores (7,01%).

Quando comparado o desempenho do último trimestre em relação ao primeiro, a faixa também se destaca, assim como os outros dois canais, apresentando um crescimento de 18,21%.

Média anual da Taxa de Engajamento no Facebook e no Instagram por segmento

O Relatório de Engajamento mLabs 2021 também trouxe dados dos principais segmentos de mercado. São eles:

  • Alimentos 🥗
  • Automotivo 🚗
  • Bebidas 🥤
  • Casa, Decoração e Móveis 🏠
  • Celebridade e Figura Pública 📸
  • Educação 📙
  • Eletrônicos 💻
  • Entretenimento 🎉
  • Esporte 🏋‍♀
  • Finanças 💵
  • Mídia e Comunicação 📺
  • Moda, Luxo e Beleza 👗
  • Saúde e Higiene 🧹
  • Tecnologia 📱
  • Viagens e Hotelaria ✈

No Facebook, os segmentos Bebidas, Celebridades / Figura Pública e Esporte apresentaram melhor performance ao final do ano, em relação ao primeiro trimestre, com um crescimento de 86,73%, 11,37% e 0,61% respectivamente.

Por outro lado, Eletrônicos, Moda / Luxo / Beleza e Alimentos foram os que pior performaram na comparação entre o último e o primeiro trimestre do ano no canal, apresentando queda de 42,31%, 41,44% e 41,31% respectivamente.

No feed do Instagram, os segmentos que tiveram destaque na performance ao final do ano, em relação ao primeiro trimestre, fora Finanças, Saúde / Higiene e Celebridade / Figura Pública, com um crescimento de 35,97%, 31,84% e 20,94% respectivamente.

Automotivo / Alimentos e Eletrônicos foram os que pior performaram na comparação entre o último e o primeiro trimestre do ano no canal, apresentando queda de 14,70%, 10,79% e10,21% respectivamente.

Já no Instagram Stories, os segmentos apresentaram melhor performance ao final do ano, em relação ao primeiro trimestre, foram Bebidas, Viagens/Hotelaria e Eletrônicos, com um crescimento de 34,06%, 24,81% e 21,13% respectivamente.

Do outro lado da análise comparativa de crescimento entre o último e o primeiro trimestre do ano no canal estão Tecnologia, Mídia / Comunicação e Educação.

O primeiro segmento citado apresentou uma queda de 3,57%. Já o segundo e o terceiro tiveram um tímido crescimento de 4,99% e 5,22% respectivamente.

gráfico de colunas com taxas de engajamento do stories por segmento do instagram

Agora que você já conhece as médias das Taxas de engajamento de dois dos principais canais utilizados para negócios no País, que tal baixar o Relatório de Engajamento mLabs 2021 para conferir os resultados do seu segmento por faixas de seguidores no Facebook e no Instagram? 😜

Facebook Comments
Quer mais conteúdo como esse? Inscreva-se na nossa Newsletter!

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.

Posts relacionados