Marketing para nutricionista: aprenda a criar um plano para o consultório!

marketing para nutricionista: imagem de um mulher digitando no notebook ao fundo e uma seleção de frutas e verduras e um suco de laranja com uma fita métrica na frente

Os nutricionistas tornaram-se conselheiros particulares de pessoas que buscam por uma vida mais saudável.

Isso aconteceu devido às mudanças de comportamento do consumidor – nunca se falou tanto de alimentos orgânicos, veganos, sem gluten, sem lactose, 0% carbo como agora!

À medida que os consumidores ficam mais conscientes sobre os benefícios da alimentação para a saúde, os profissionais do setor conquistam mais espaço, visibilidade e credibilidade para atuar.

E, segundo uma recente pesquisa de mercado da Technavio, essa onda de preocupação com a saúde não é passageira: o mercado da saúde e bem-estar deve crescer a uma taxa anual de cerca de 6% até 2022.

Porém, ao mesmo tempo que acontece o crescimento da indústria da saúde e a população se torna mais consciente, aumenta também o volume de informações divulgadas e produtos comercializados sobre o tema.

É aí que entra o marketing para nutricionista, com um plano bem elaborado é possível fortalecer o posicionamento da marca, conquistando reconhecimento no mercado – para quem já desenvolve ações de marketing.

E para os profissionais que estão começando agora, é fundamental ter uma estratégia de marketing para ganhar visibilidade e conquistar espaço no concorrido mundo digital.

Mas não se preocupe, pois neste post você aprenderá tudo o que precisa ser feito para criar um plano de marketing para o seu consultório!

Antes de começar, consulte o código de ética do conselho!

Um ponto de atenção muito importante antes de seguirmos para as dicas práticas é conhecer o código de ética aplicado aos nutricionistas.

O código aborda não somente temas como atendimento aos pacientes e saúde dos indivíduos, mas também questões relacionadas à prática de marketing no nutricionismo.

É crucial que você entenda leia os artigos do código de ética e conduta do Nutricionista, pois ele contém informações importantíssimas para sua estratégia, desta forma evitando  penalizações ou desagrado dos usuários durante sua comunicação.

Aqui estão algumas regras importantes explicitadas no código:

  • É proibido usar o marketing e publicidade para autopromoção ou o sensacionalismo (Artigo 56);
  • O nutricionista não pode divulgar imagem corporal de si ou terceiros, atribuindo os resultados a determinados produtos, equipamentos e técnicas (Artigo 58);
  • Ao compartilhar informação pelos meios de comunicação, o nutricionista deve ter embasamento técnico-científico e ter como objetivo promover a saúde e educação alimentar e nutricional (Artigo 55);
  • Quando houver conflito de interesses, é vedado ao nutricionista receber patrocínios ou vantagens financeiras de empresas ou indústrias relacionadas à área de alimentação e nutrição (Artigo 64).

Apesar de em alguns casos parecerem informações óbvias, é fundamental que você leia o código de ética e saiba em detalhes o que pode e o que não pode ser feito em sua estratégia de marketing.

Agora que você conhece as restrições do marketing nesse segmento, conheça algumas práticas fundamentais para o sucesso em sua estratégia de marketing para nutricionistas.

Conheça o mercado e defina os seus objetivos

Primeiro de tudo, é importante que você entenda o mercado no qual atuará durante a execução estratégica e quais objetivos de marca você buscará atingir.

Para realizar uma pesquisa de mercado assertiva, você precisará entrar mais à fundo no nicho, estudando o tipo de consumidor que costuma procurar pelo serviço e as características singulares do segmento como:

  • sazonalidade;
  • concorrência;
  • hábitos de consumo;
  • tamanho do nicho.

Após fazer uma pesquisa mais aprofundada do mercado, você terá mais embasamento para definir um objetivo macro de marketing, que servirá como norte de toda a estratégia.

É importante que o objetivo seja específico, mensurável, alcançável e delimitado por tempo, para se seja realmente assertivo e você possa alcançá-lo com mais facilidade.

Mas calma, sabemos que essas palavras podem deixá-lo um pouco confuso, para ajudar na compreensão, confira um exemplo aplicado a uma estratégia de marketing para nutricionista:

Objetivo macro: vender 100 cursos sobre educação nutricional em um mês;

Objetivos micro:

  • aumentar a visibilidade em 50% nos canais de comunicação digitais (pode ser medido pela quantidade de impressões nas redes sociais e visitas no site por exemplo);
  • aumentar a conversão em 3% em cada canal.

Lembrando que esses objetivos devem ser viáveis, e para saber se são, devemos ter como base o estudo feito do mercado e a escolha das métricas que serão acompanhadas para atingi-los.

Estude o perfil e as dores do seu público

Outra prática fundamental em sua estratégia é conhecer o público que os nutricionistas mais costumam atender.

Se você já está no mercado a um tempo, atendendo pessoas em seu consultório, é provável que tenha uma boa base de clientes: podemos começar por aí.

A base pode servir como norteador para a pesquisa de público. Ela pode conter dados valiosos com idade média das pessoas que agendam uma consulta, período de maior consultas marcadas e solicitações mais recorrentes.

Agora, se você ainda não possui uma cartela de clientes para mapear, você pode utilizar os dados dos seus concorrentes e dos seus seguidores nas redes sociais para incrementar nessa análise.

👉 Dica amiga: o Google Analytics e o Facebook Insights são ferramentas poderosas para você colher essas informações.

Nessa fase, criar uma buyer persona é essencial. Ela é a descrição de um personagem semi ficticio, criado com base em dados reais sobre o público para representar o seu cliente ideal, para quem a estratégia será direcionada.

Lembrando que pode haver mais de um público no ramo de nutricionismo.

Por exemplo, podem ter pessoas com idade de 45+ anos que desejam uma dieta balanceada para manter o organismo saudável, enquanto há jovens em busca do aumento de massa muscular.

É importante saber como tratar cada um desses públicos, pois ambos vivem momentos diferentes e têm objetivos diferentes no âmbito nutricional.

Entender as principais dores e os desejos desses clientes é essencial para construir uma estratégia assertiva, que realmente gere bons resultados.

Marque presença nas redes sociais

As redes sociais compõem os alguns dos melhores canais para aumentar alcance, visibilidade, engajamento e, consequentemente, alcançar seus objetivos de marketing.

Elaborar uma estratégia de marketing nas redes sociais é fundamental para alcançar seus objetivos, principalmente na área de nutricionismo, onde grande parte do público pode estar presente procurando por dicas de alimentação e dietas, por exemplo.

Porém, fazer uma boa gestão de redes sociais não é uma tarefa tão fácil assim, é preciso se atentar a alguns detalhes como a gestão e planejamento de conteúdo, periodicidade das publicações, pesquisa de hashtags e termos que melhor encaixem nos conteúdos, entre outros fatores.

É preciso entender qual formato de conteúdo é melhor para engajar o público e como atrair sua atenção, afinal, as redes sociais são locais repletos de publicações, é preciso ter um diferencial para se destacar.

Instagram

O Instagram é uma rede que cresceu muito nos últimos anos e conta com usuários de todos os tipos e características.

A plataforma explora muito o visual, com seus recursos como os Stories, que permitem alta interatividade com os usuários e amplo alcance.

No universo dos nutricionistas, a rede é muito utilizada para a divulgação de dicas visuais, que atraiam pessoas em busca de uma vida mais saudável e dietas balanceadas.

Além disso, parcerias com influenciadores digitais, as famosas Lives e vídeos no IGTV são ótimos recursos que ajudam a bombar seu perfil!

Veja o exemplo deste post com uma dica de alimentação saudável no perfil da nutricionista Fernanda Scheer. A mensagem é passada de uma maneira criativa e totalmente visual, o que facilita o entendimento e estimula a interação dos usuários com o conteúdo.


View this post on Instagram

Aproveitando essa esquentadinha que deu em sp 😉☀️

A post shared by Fernanda Scheer (@fernandascheernutri) on

YouTube

A plataforma líder na preferência em quem assiste vídeos online concentra uma grande quantidade de usuários, muitos deles consumidores em busca de alternativas de compras.

O YouTube é uma rede social muito poderosa, pois nela você pode trabalhar conteúdos completos sobre nutricionismo, criando uma base de inscritos fiel, com alto potencial de consumo.

Não só isso, a plataforma tem recursos de monetização, podendo ser uma fonte de renda secundária para o negócio.

Um canal que se destaca pela criatividade e frequência dos conteúdos é o Cozinha Bach, nele são apresentadas receitas práticas, dicas de armazenamento, esclarecimentos sobre as principais dúvidas do público e muito mais. Dá uma olhada!

marketing para nutricionista: imagem do canal no YouTube da Cozinha Bach com vídeos de receitas

Facebook

O Facebook conta com 2,4 milhões de usuários ativos em sua plataforma, sendo a maior rede social em usuários ativos do mundo até abril de 2020.

A rede oferece recursos variados para marcas trabalharem de forma assertiva em sua plataforma, desde a publicação de conteúdos e interação nas fanpages, até a criação de grupo de Facebook para empresas.

O Facebook também disponibiliza outra plataformas específicas para profissionais que trabalham marketing na rede, como o Gerenciador de Anúncios e Facebook Insights, que permitem realizar anúncios – tanto no Face quanto no Insta – e fornecem dados valiosos para potencializar os resultados das marcas.

Invista em estratégias de Inbound Marketing para nutricionista

Inbound Marketing é uma das estratégias mais aplicadas no mundo digital da atualidade, sendo muito positiva para o sucesso de um negócio.

A estratégia trabalha três frentes principais, que, por sua vez, enraízam diversas outras estratégias, são elas:

  • atração – atrair um público em busca de melhora nos hábitos alimentares através da geração de conteúdos relevantes e apoio, se tornando uma referência no assunto;
  • conversão – obtenção de leads qualificados para oferta de conteúdos ricos, como e-books, webinars ou cursos gratuitos;
  • fidelização – seguir com uma estratégia de relacionamento com a base de leads para mantê-los engajados e ter uma fonte de renda recorrente.

Cada uma das etapas é fundamental e, se bem trabalhadas, podem gerar benefícios duradouros e escaláveis para o negócio.

Veja alguns dos benefícios que muitas empresas usufruem por aplicar essa estratégia:

  • geração de leads qualificados – leads qualificados significam uma propensão maior a comprarem um curso de dicas para dieta, por exemplo, sendo uma ótima base para trabalhar o marketing;
  • conquistar autoridade no mercado – ser uma referência no assunto faz com que o público confie na marca e tenha mais chances de converter;
  • ganhar visibilidade – estar presente para as consultas no Google de potenciais clientes por “como começar uma dieta”, por exemplo, é essencial para levá-lo a uma futura conversão e gerar reconhecimento de marca.

Confira algumas boas práticas de Inbound Marketing para nutricionistas!

Crie um blog de conteúdo

Como falado no tópico anterior, é importante estar presente para responder às principais dúvidas que podem surgir de um potencial cliente antes do mesmo contratar um nutricionista.

Uma ótima forma de conquistar essa visibilidade é criando um blog e investindo em conteúdos relevantes, que contemples palavras-chave pesquisadas pelos usuários.

Um exemplo disso é o Blog minhavida, que explora uma grande quantidade de temas relacionados a saúde e bem estar, fazendo chamadas para assinatura de newsletter, o que pode gerar muitos leads qualificados.

marketing para nutricionista: imagem do blog minhavida com um artigo de capa sobre 10 opções saudáveis para o cardápio

Desenvolva conteúdo rico (Webinars e Lives)

Além de conteúdos de blog, outra ótima estratégia é focar na produção de conteúdos ricos, como Webinars, e-Books e Lives.

Esses tipos de conteúdos, se bem feitos, tem alto potencial para geração de leads qualificados e engajamento maior com o público.

O Portal Dieta e Treino por exemplo fez um e-book sobre emagrecimento através de uma dieta gratuito, porém com a necessidade de fornecimento de e-mail, para a captação de leads.

marketing para nutricionista: imagem do blog minhavida com uma landing page para download de um e-book sobre dieta low carb

Faça a nutrição de leads

Com todos esses conteúdos, você terá uma boa visibilidade para começar a prospecção de leads para o negócio.

É possível fazer isso através de assinaturas em newsletters e fornecimento de e-mail para ter acesso a conteúdos exclusivos como e-books e webinar mencionados no tópico anterior.

No blog da minha vida, por exemplo, eles têm uma newsletter para que os usuários possam receber conteúdos atualizados.  Para assiná-la, os usuários devem fornecer algumas informações, se tornando leads.

marketing para nutricionista: imagem da página de inscrição de uma newsletter

Construa uma base de e-mails de potenciais clientes

Com os leads em mãos, você deve investir em organizá-los para ter uma boa base de e-mails.

Dessa forma, é possível investir em uma estratégia de relacionamento e fidelização através de mensagens via e-mail, nutrindo a sua base e mantendo-a engajada, fidelizada, e, talvez, levando-a a uma possível compra. 😉

Trabalhe o marketing de relacionamento

As ferramentas protagonistas para trabalhar o marketing de relacionamento são as redes sociais.

Através delas é possível manter engajamento com os clientes e potenciais clientes em um ambiente descontraído e altamente interativo.

Nelas os consumidores se sentem mais à vontade para falar sua opinião sobre a marca e isso é ótimo para manter um relacionamento e tirar Insights valiosos sobre o que pode ser melhorado e onde investir mais ações.

Além disso, uma pesquisa realizada pela American Express mostra que o atendimento faz toda a diferença o fechamento de qualquer negócio, segundo a pesquisa 60% dos entrevistados afirmaram que já tiveram a intenção de fazer uma compra, mas, por conta de um mau atendimento, desistiram.

Já em uma outra pesquisa da New Voice, foi constatado que 58% das pessoas alegaram que nunca mais voltam a usar uma empresa depois de obterem uma experiência negativa.

Ou seja, manter as redes sociais como canal de relacionamento com o público e investir na interação com os seguidores é muito importante para a tomada de decisão de compra dos consumidores.

Faça anúncios e atinja um público qualificado

Os anúncios também são fundamentais para aumentar o alcance nas redes sociais e conquistar mais reconhecimento e visibilidade, já que as publicações orgânicas são limitadas pelos algoritmos das redes sociais.

Algumas ferramentas como Gerenciador de Anúncios do Facebook e Google Ads ajudam bastante na gestão e veiculação de anúncios, sendo ótimas para escalar um negócio.

Outra grande vantagem dos anúncios, é a segmentação. Você pode selecionar exatamente o perfil que deseja, filtrando por buscas como “onde encontro um nutricionista”.

Aqui estão os principais tipos de segmentação de público no Facebook:

  • faixa etária;
  • classe social;
  • gênero;
  • localização: por país, estado, município, cidade, distrito e código postal;
  • idioma;
  • interesses: relacionados a outros tópicos que podem ser de interesse de alguém em busca de uma dieta com musculação, bem-estar mental e beleza.

Entre outras opções ainda mais personalizadas, como o direcionamento detalhado em que você pode incluir ou excluir pessoas com base em dados demográficos, interesses e/ou comportamentos.

Por exemplo, você pode se basear pelos anúncios em que elas clicam, páginas curtidas, dispositivo móvel, velocidade de conexão, entre outros.

Assim, aumentando as suas chances de encontrar um público mais qualificado!

Desenvolva estratégias de Marketing Local

O marketing local é muito vantajoso pois explora pessoas qualificadas, permitindo a criação de uma rede forte e local de relacionamento, ótima para a construção de reputação e relacionamento.

Confira algumas formas de aplicar essa estratégia!

Não deixe de se cadastrar no Google Meu Negócio

O Google Meu Negócio é uma ferramenta gratuita que permite que o seu consultório de nutricionismo seja encontrado no principal mecanismo de buscas do mundo (Google).

Nele você pode cadastrar informações oficiais de seu negócio, como endereço, horário de funcionamento, descrição e imagens.

Sabe quando você faz uma pesquisa no Google e no resultado aparecem sugestões de empresas com o mapa e descrição?

marketing para nutricionista: imagem da página do Google mostrando os resultados que aparecem para a busca da palavra nutricionista

É isso que o Google Meu Negócio permite!

Ao cadastrar uma ficha da ferramenta você consegue atrair mais tráfego para o seu site ou blog, receber avaliações de clientes, responder dúvidas e publicar atualizações ou promoções do seu consultório.

Aposte em ações de SEO Local para nutricionista

SEO é uma estratégia de marketing digital que consiste na otimização de páginas aparecer em buscas nos mecanismos de busca como Google.

Fazer SEO local, significa trabalhar palavras pesquisadas em regiões específicas que podem trazer consumidores altamente qualificados para o negócio, assim destacando a marca para os consumidores mais próximos.

Faça testes e monitore seu desempenho

Por fim, não deixe de monitorar os resultados das ações feitas e analisar dados reais, para entender o que realmente funciona e o que não funciona.

Lembre-se de não ter medo de errar, é para isso que servem os testes, às vezes uma estratégia diferente pode surpreender com os resultados!

Para monitorar os resultados com mais precisão nas redes sociais, é fundamental que você utilize uma boa ferramenta de gestão de redes sociais, que forneça Insights valiosos como melhores horários para fazer publicações, os interesses do público com o qual você trabalha, os principais concorrentes, entre outros.

Só assim você realmente consegue mensurar seus resultados e monitorar o desempenho de maneira assertiva para melhorar futuras estratégias e atingir o objetivo de marketing proposto no começo de todo o seu planejamento.

Bônus

Para colocar em prática todo o conhecimento que você aprendeu aqui e estruturar suas campanhas nas redes sociais com ferramentas e recursos que trazem resultados, baixe o nosso Kit Campanha de Redes Sociais por Nicho de Mercado!

Imagem de um banner publicitário com a frase: kit campanha de redes sociais por nicho de mercado.

Nele você encontrará um tutorial do Gerenciador de Negócios em vídeo para aprender a anunciar no Insta e no Face, estudo A Hora do Rush dos Stories, com tendências de comportamento no formato, públicos sugeridos para utilizar no Gerenciador de Anúncios e impulsionar sua campanha, principais hashtags para o seu negócio e muito mais!

Facebook Comments
Gestão de redes sociais Entenda por que a mLabs é a ferramenta de gerenciamento de redes sociais escolhida por mais de 120 mil marcas!

Posts relacionados